quarta-feira, 16/01/2019
Agenda do secretário

Secretário se apresenta ao Conselho Estadual de Educação 

Encontro com os conselheiros ressaltou as prioridades de Rossieli Soares à frente da Secretaria da Educação 

Nesta quarta-feira (16), o secretário Rossieli Soares se apresentou aos membros do Conselho Estadual de Educação, na capital paulista. Além de marcar o primeiro pleito do ano do Colegiado, a ocasião foi a oportunidade para expor as prioridades da nova gestão. 

Em seu discurso, o titular comentou sobre a necessidade de trabalhar em regime de colaboração com os conselheiros. Para ele, é preciso estabelecer discussões frequentes sobre os principais temas da Secretaria de Estado da Educação. 

“A aproximação com o Conselho é estratégica. A escola pública deve chegar a todos e por isso vou precisar da ajuda de todos eles”, disse Rossieli.  

O presidente do Conselho, Hubert Alquéres, comentou que a equipe estará à disposição da pasta para trabalhar as demandas em parceria. “Sempre que surgem questões que a Secretaria queira dividir com os conselheiros, os resultados têm sido muito positivos”, ressaltou. 

Prioridades 

A solenidade também foi o momento para expor quais os principais pontos de atenção do secretário durante a gestão. De acordo com o titular, a atual preocupação é com o início do ano letivo pela falta de kits escolares e professores temporários, legado herdado da gestão anterior. 

“Vou sempre expor as nossas dificuldades, pois o pai e a mãe precisam saber o que está acontecendo e que estamos priorizando uma solução para isso”, completou. 

O Currículo Escolar do Estado foi outro ponto levantado por Rossieli durante a sessão. Ele espera receber a devolutiva do material que foi entregue ao Conselho em dezembro do ano passado. O seu intuito, dessa forma, é planejá-lo em consonância com todos os membros da rede, sobretudo, com os estudantes. 

Discussão da carreira do Quadro de Magistério, excesso de avaliação escolar e estrutura pedagógica também fizeram parte da apresentação. O secretário exibiu alguns dados que mostraram que a rede pode evoluir muito nos próximos anos com o replanejamento dessas questões. 

“Queremos encontrar os melhores caminhos para garantir nossos professores na rede. É por esse motivo que precisamos discutir as carreiras”, reiterou. 

Os conselheiros também ressaltaram os principais pontos de debates e afirmaram estabelecer um trabalho mútuo a fim de garantir o aprendizado dos alunos.  

“Pode ter certeza que nós estaremos envolvidos nesse mesmo foco”, declarou a vice-presidente do Conselho, Ghisleine Trigo Silveira.  

Posse 

Na reunião, também foi realizada a última cerimônia de posse do conselheiro nomeado no decreto do dia 18 de dezembro. A cadeira será ocupada por Rose Neubauer, que já havia integrado o Colegiado. 

Graduada em pedagogia pela USP, em 1967, Rose possui mestrado e doutorado em Psicologia da Educação. É pesquisadora, especialista em educação pública, políticas educacionais, currículo e avaliação educacional. 

Já foi secretária estadual de Educação (1995 a 2002) e chefe de gabinete da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo (1983-1985). Atualmente, é membro da Academia Paulista de Educação, diretora-presidente do Instituto de Protagonismo Jovem e Educação (Protagonistes). 

“Apesar das divergências e discussões, é importante que sejamos um eixo e que trabalhemos em consonância com a Secretaria da Educação. Vamos dividir os nossos esforços”, finalizou após ser empossada.