Notícia

Cinco lugares para conhecer no litoral que são verdadeiras aulas de História

Conheça os patrimônios tombados pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado

sex, 22.12.2017

Já imaginou conhecer novos lugares e ainda aprender com eles um pouco mais sobre História? Nem só de mar vive o litoral, portanto, aproveite as férias para conhecer patrimônios históricos e culturais, tombados pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo), no litoral paulista, que podem se transformar em verdadeiras e inspiradoras aulas.

Bolsa Oficial de Café – Santos

Um museu voltado ao resgate histórico da comercialização do café no Brasil, a Bolsa está localizado a cerca de 80km da Capital, ligado ao Porto de Santos, o edifício do Museu é facilmente reconhecido por sua arquitetura que mistura elementos de diferentes movimentos arquitetônicos, como o neoclássico e o barroco. Em 2009, foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

Centro Histórico – São Sebastião

Com prédios e arquitetura que remontam os séculos 17 e 18, o Centro Histórico de São Sebastião abriga um preservado casario colonial, com destaque para a área tombada de sete quadras que inclui a Igreja Matriz, a Casa de Câmara e Cadeia Pública, a Capela de São Gonçalo (com Museu de Arte Sacra) e a Casa Esperança.

Centro Histórico – Cananéia

Casas modestas, com fachadas de pedra e argamassa de areia e cal nos transportam para o final do século XVIII e início do século XIX. A Igreja de São João Batista, construída pelos jesuítas no século XVI, é uma das mais antigas do país e foi usava como fortificação pelos portugueses durante a colonização.

Centro Histórico – Iguape

Destaque para o centro são a Basílica do Senhor Bom Jesus, local de peregrinação de devotos que abriga o Museu de Arte Sacra e Casa do Patrimônio, centro cultural com biblioteca, videoteca e exposições sobre a história da cidade. Historicamente, Iguape teve importante relevância na comercialização de ouro, o que a transformou no centro de distribuição de riquezas, com a Casa Fundição.

Residência dos Irmãos Gomes – Ubatuba

Do arquiteto Rino Levi, um dos principais expoentes da arquitetura moderna brasileira, o projeto da residência de veraneio, do Senador Severo Gomes foi concebido em 1958 e realizado em 1962, e une as características da vida urbana com belas paisagens.