Pais e Alunos

Concurso incentiva meninas do Ensino Médio a optarem por carreiras em tecnologia

Melhores propostas de grupos que defendem os direitos das mulheres ganharão doação de 30 mil

qui, 22.10.2015

Em parceria com escolas estaduais de Ensino Médio, órgãos que se dedicam à promoção da educação e defesa dos direitos das mulheres podem se inscrever no concurso nacional “Gestão Escolar para Equidade: Elas nas Exatas”, que selecionará as 10 melhores propostas para receberem um incentivo financeiro de R$ 30 mil cada.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

Os projetos apresentados deverão ser executados em até 12 meses. Para submeter uma proposta de projeto, todas as associações, organizações ou grupos informais deverão preencher um formulário online e enviá-lo ao endereço postal do Fundo ELAS. Os projetos selecionados ganharão apoio no valor de R$ 300.000,00. Poderão ser selecionadas até dez propostas de projetos, com repasse de R$ 30.000,00 para cada. As propostas devem ser enviadas até o dia 3 de novembro.

Clique aqui e confira o edital da iniciativa

O concurso tem como objetivo apoiar projetos que incentivam a inserção de mulheres em carreiras de ciências exatas e tecnológicas. Os grupos, associações ou organizações interessadas em participar devem ter parceria estabelecida com escolas de Ensino Médio da rede estadual, comprovada por meio de uma carta assinada pela equipe gestora da unidade. Além disso, devem se dedicar à promoção dos direitos das mulheres e ser coordenados por uma mulher.

A meta do concurso é apoiar financeiramente ideias que enfrentem estereótipos de gênero e fomentem a inserção de meninas em carreiras nas ciências exatas e tecnológicas. O projeto é uma parceria entre o Fundo Elas, o Instituto Unibanco e a Fundação Carlos Chagas.