Pais e Alunos

Inscrições para o Prêmio Zayed 2017 seguem abertas até 6 de julho

Projeto de sustentabilidade pode levar alunos da rede aos Emirados Árabes

qua, 19.04.2017

Estão abertas, até 6 de julho, as inscrições para o Prêmio Zayed. Os alunos da rede estadual de ensino podem inscrever projetos elaborados com base em energia renovável e sustentabilidade. A competição internacional vai eleger as melhores ideias de aplicação de energia limpa com um prêmio final de até US$ 100 mil. As inscrições podem ser feitas pelo site do concurso.

Para participar, os estudantes devem ter idade entre 11 e 19 anos e apresentar um projeto articulado ao Currículo do Estado de São Paulo, considerando a realidade escolar e de seu entorno, contando com envolvimento de alunos, professores e gestores. O projeto poderá ser novo ou oriundo de ações dos Programas da Secretaria da Educação, como por exemplo, a Feira de Ciências das Escolas Estaduais (FeCEESP) e o Programa Nascentes.

Será selecionado um vencedor de cada um dos cinco continentes: Américas, Europa, África, Ásia e Oceania.

Inscrições

Os alunos da rede devem se candidatar na categoria “Escolas Secundárias Globais”. No momento da inscrição, os candidatos devem preencher um formulário em Língua Inglesa, que deverá ser enviado por meio de um professor ou gestor representante da escola.

Os candidatos podem contar com o apoio da equipe curricular da Coordenadoria de Gestão da Educação Básica (CGEB) para realizar a inscrição, quando houver dúvidas, nos seguintes contatos: ana.sallares@educacao.sp.gov.br; andreia.cristina@educacao.sp.gov.br; eleuza.guazzelli@educacao.sp.gov.br; gisele.mathias@educacao.sp.gov.br; renata.andrade@educacao.sp.gov; roseli.gomes@educacao.sp.gov.br; sergio.damiati@educacao.sp.gov.br.

Brasil na final

No ano passado, um grupo da Escola Estadual Professor Dimas Mozart e Silva, do município de Taquarituba, viajou até Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, para representar o continente americano junto com projetos de escolas da Bolívia e do México.

Os alunos Vinícius Ferrari, Letícia Castro e a professora Viviane Cristina Silva Ramos foram finalistas na competição com um trabalho de revitalização de uma sala de aula para promoção de atividades sustentáveis por parte do grêmio estudantil e da comunidade. Saiba mais.