Mais de 165 mil inscritos participarão de prova para professores temporários

O exame, que acontecerá no dia 30 de outubro, é destinado aos docentes não efetivos que já atuam na rede estadual e também aos candidatos à contratação por tempo determinado, cadastrados no processo de atribuição de classes/aulas do ano letivo de 2012

A Secretaria de Estado da Educação publicou no “Diário Oficial” do Estado de quinta-feira, 20 de outubro, o edital que contém as instruções e a data da prova destinada aos professores temporários cadastrados no processo de atribuição de classes/aulas da rede estadual para o ano letivo de 2012. O exame é voltado aos docentes não efetivos que já atuam na rede e também aos novos candidatos à contratação por tempo determinado. Mais de 165 mil se inscreveram para a avaliação, que acontecerá no dia 30 de outubro nos municípios-sede das 91 Diretorias Regionais de Ensino em todo o Estado.

A nota obtida pelo candidato será utilizada para classificação no processo de atribuição. Os temporários estáveis (categoria F) que já foram aprovados nas edições anteriores não precisam passar novamente pelo exame, mas podem fazê-lo para tentar obter melhor nota.

Os locais de prova serão divulgados até o 5º dia anterior à data prevista para o exame e poderão ser acessados no portal da Secretaria de Educação e da Fundação VUNESP, responsável pela realização da avaliação. Os candidatos inscritos cujos nomes não constarem na relação devem entrar em contato com a VUNESP pelo telefone (11) 3874-6300, de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h, ou dirigir-se à Diretoria de Ensino de sua inscrição, de segunda à sexta-feira, das 9h às 17h, para verificar o local em que realizará a prova.

Os docentes que optaram pelo campo de atuação educação especial ou aulas (alemão, arte, biologia, ciências físicas e biológicas, educação física, espanhol, filosofia, física, francês, geografia, história, inglês, italiano, japonês, língua portuguesa, matemática, psicologia, química, sociologia), referente ao ciclo II do Ensino Fundamental e Ensino Médio, farão o exame no período da manhã, com início às 8h30. Para os que escolheram o campo de atuação classes, referente ao ciclo I do Ensino Fundamental, a avaliação será realizada no período da tarde, com início às 14h30.

O candidato deverá comparecer ao local da prova com meia hora de antecedência, portando caneta esferográfica azul ou preta, lápis preto nº 2, borracha e original ou cópia autenticada de um documento identificação com foto (R.G, carteira nacional de habilitação, carteiras de órgãos de conselhos de classe, carteira de trabalho e previdência social ou certificado militar).

A avaliação será composta por 80 questões objetivas, avaliadas na escala de zero a 80 oitenta pontos, no caso do campo de atuação aulas e educação especial, e 60 questões objetivas, avaliadas na escala de zero a 80 pontos, para o campo de atuação classe.

As competências e habilidades requeridas para professores da rede estadual, assim como a bibliografia de referência para o exame, constam nas resoluções SE nº 70, de 26 de outubro de 2010, e SE nº13, de 3 de março de 2011, que podem ser consultadas na área da Central de Atendimento.