domingo, 28/04/2013
Ler e Escrever

No Dia Mundial da Educação, relembre passos importantes dados pelas escolas paulistas

Rede estadual já alfabetizou 95% das crianças, tem mais de 4 milhões de alunos e 5 mil escolas

Neste domingo, 28 de abril, comemora-se o Dia Mundial da Educação. A data faz referência ao encontro de representantes de 180 países participantes do Fórum Mundial de Educação, realizado em abril de 2000, na cidade de Dakar, no Senegal. Na ocasião, foi assinado um documento no qual estes países se comprometiam a não poupar esforços para que a educação chegasse a todas as pessoas do planeta até 2015.

Com mais de cinco mil escolas e cerca de quatro milhões de alunos, a rede estadual de ensino paulista cumpre com o proposto. Desde o início da atual gestão, investimentos fundamentais para que se dê um salto na melhora de qualidade do ensino são a prioridade da Pasta.

O programa Educação — Compromisso de São Paulo, lançado em outubro de 2011, norteia as ações da Secretaria desde então. Entre seus objetivos principais, está a valorização da carreira do magistério, buscando torná-la uma das mais procuradas pelos jovens.

Além da valorização da carreira de educador, o programa tem como visão de futuro a Educação de São Paulo figurar entre as mais avançadas do mundo até 2030, com base nos dados mais recentes divulgados pelo Pisa, sigla em inglês para o Programa Internacional de Avaliação de Alunos.

O programa Ler e Escrever, que integra o Educação — Compromisso de São Paulo, já alfabetizou 95% das crianças com até oito anos de idade. O programa tem como meta ver plenamente alfabetizadas todas as crianças paulistas, e consequentemente garantir, após a aquisição da escrita alfabética, as competências necessárias para que as mesmas possam se tornar fluentes tanto na leitura como na escrita.

Outros programas, como Acessa Escola, Cultura é Currículo, Escola da Família, Melhor Gestão, Melhor Ensino também contribuem efetivamente com a melhoria da educação. Mais de quatro milhões de alunos, professores e funcionários foram beneficiados com a estrutura de inclusão digital do Acessa Escola, por exemplo.

Com o programa Cultura é Currículo, alunos e professores da rede estadual podem visitar museus e centros culturais, com o objetivo de enriquecer as discussões em salas de aula e aumentar o contato dos estudantes com a arte e cultura.

Já no programa Escola da Família, que aproxima a comunidade da escola, todas as 91 Diretorias de Ensino da rede, 2.324 escolas estaduais e 15 mil universitários são beneficiados.

Confira nos vídeos ao lado e no infogrático abaixo grandes passos dados pelas nossas escolas.

arte_ler_e_escrever_850_850_01