14/12/16

Professora utiliza YouTube para realizar sarau com alunos do Fundamental

Categoria

Projeto contempla disciplinas do Currículo Oficial do Estado de SP

Estar antenado às novas mídias sociais é a tônica para profissionais de qualquer área de atuação. Para quem atua com educação, por exemplo, as redes sociais podem ajudar na melhora do aprendizado tanto de professores, quanto de alunos. Foi com esse pensamento que Mônica Torres Giannini, professora de Língua Portuguesa da E.E. Jorge Calil Assad Sallum, desenvolveu o sarau virtual.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

Voltado a estudantes do 7º ano do Ensino Fundamental, o projeto teve início em 2015 com o objetivo de trabalhar diversos temas em conjunto com as disciplinas do Currículo Oficial do Estado de São Paulo. Na atividade, os alunos fazem encenações e vestem-se de acordo com a proposta da atividade. Em seguida, o conteúdo é editado e postado na página da educadora no YouTube. “No primeiro sarau, fizemos uma brincadeira com temas das décadas de 20, 50 e 70. Já no segundo fizemos uma representação da vida dos moradores de rua”, destaca Mônica.

“Na minha disciplina especificamente trabalhei com os alunos estrutura e linguagem poética, conotação, denotação, enfim, toda essa parte que envolve uma poesia”, afirma.

Além da Língua Portuguesa, os alunos têm contato com disciplinas de Matemática, Arte e História, além da oportunidade de aprender conceitos de edição de vídeo e todo o processo de montagem do sarau. “É importante trazer inovação para a sala de aula”, conclui.

Em 2017, o trabalho continuará na unidade de Tempo Integral. Desta vez, o projeto abrangerá as disciplinas de ciências e eletiva de Robótica. 

Clique aqui e confira o trabalho completo

Educação traz dicas para você fazer um vídeo de sucesso na internet

Um dos grandes movimentos que estão bombando na internet são os famosos “youtubers”, jovens que produzem vídeos dos mais variados assuntos. Na rede estadual paulista, são inúmeros os alunos que adoram uma câmera, seja ela profissional ou de celular, para produzir seus vídeos e se promover.

Foi pensando nisso que a Educação preparou seis dicas exclusivas para ajudar os jovens a produzir um vídeo de sucesso na internet. A primeira dica foi o roteiro. Em seguida, falamos do figurino e cenário. A quarta e quinta dicas trataram sobre posicionamento da câmera e áudio, respectivamente.

A nova websérie da Educação é feita em parceria com o jovem Felipe Augusto, apresentador do canal Educa Responsa. O objetivo é fazer com os estudantes da rede estadual paulista se engajem cada vez mais na produção de vídeos na internet.

Clique aqui e confira todos os vídeos da websérie.

 

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Aliquid fuga?