A Escola Que Queremos

#Saresp2017: provas serão aplicadas nos dias 8 e 9 de novembro

Avaliação mede o rendimento em Língua Portuguesa e Matemática de estudantes

qua, 04.10.2017

A Secretaria da Educação aplicará nos dias 8 e 9 de novembro as provas do Saresp 2017 (Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar do Estado de São Paulo). Neste ano participam mais de 1 milhão de alunos matriculados nos 3º, 5º, 7º (por amostragem) e 9º anos do Ensino Fundamental e da 3ª série do Ensino Médio. Os exames são realizados em todas as 5 mil unidades da rede e medem o domínio e habilidades básicas dos estudantes em Língua Portuguesa e Matemática.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

O Saresp é a principal ferramenta de avaliação externa adotada pela Secretaria. Os dados extraídos subsidiam o planejamento dos professores e as metas das escolas estabelecidas pelo Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo (Idesp), além do cálculo do bônus por mérito dos servidores.

A última edição, em 2016, revelou que a rede estadual continua avançando. No Ensino Médio, ciclo mais desafiador, a média foi 2,30, contra os 2,25 registrados em 2015. Houve também avanço nos Anos Iniciais: 5,40 (uma diferença de 0,15 ponto em relação aos 5,25 do ano anterior).

Provas em três turnos

Nos dois dias do Saresp, alunos dos anos/séries indicados fazem as provas na própria escola, nas classes e nos turnos (manhã, tarde e noite) em que estão regularmente matriculados. Os itens são elaborados com base no documento “Matrizes de Referência para a Avaliação”, e de acordo com o nível (3º ano EF resposta construída – 5º, 7º e 9º anos EF e 3ª série do EM – múltipla escolha).

Os exames são sempre acompanhados pelo professor aplicador, além dos representantes de pais de alunos ou responsáveis e fiscais externos, cedidos pela instituição prestadora de serviço contratada. Eles têm a responsabilidade de zelar pela licitude e transparência do processo.