sexta-feira, 14/03/2014
Imprensa

6 mil alunos do Estado fazem no domingo a prova do Acessa Escola

Programa é destinada a estudantes do Ensino Médio que vão atuar como estagiários de informática A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo realiza neste domingo, 16 de março, as provas para alunos inscritos no processo seletivo do programa Acessa Escola, programa pioneiro que oferece ferramentas digitais de aprendizagem nas escolas estaduais. Os selecionados […]

Programa é destinada a estudantes do Ensino Médio que vão atuar como estagiários de informática

A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo realiza neste domingo, 16 de março, as provas para alunos inscritos no processo seletivo do programa Acessa Escola, programa pioneiro que oferece ferramentas digitais de aprendizagem nas escolas estaduais. Os selecionados recebem benefício mensal de R$ 380, além do auxílio transporte. Ao todo, foram 16.387 inscritos. Os locais de prova podem ser consultados no Portal da Educação.

Coordenado pela Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE), órgão da Secretaria, o Acessa Escola oferece acesso livre à internet nas escolas como forma de inclusão digital e social. Os convocados atuarão nas salas de informática das 3.873 escolas da rede que já contam com o programa e também nas 453 unidades que recebem o Acessa até o final deste semestre.  Com a expansão do programa, a Secretaria totaliza 3,8 milhões de alunos cadastrados ao Acessa (90% do universo de matriculados na rede).

A carga horária do estagiário é de vinte horas semanais e pode ser cumprida nos período da manhã, tarde ou noite. A prova é classificatória, ou seja, os candidatos que não forem chamados na primeira convocação, terão outras oportunidades. A publicação do gabarito sairá no dia 17 de março e a classificação dos indicados, a partir do dia 27 de março.

A duração do estágio é de 12 meses, podendo ser prorrogado até 24 meses. Neste ano, 5 mil jovens já começaram a estagiar no Acessa.

“Os estudantes estagiários são figuras centrais do Acessa. Eles trabalham diariamente para auxiliar a comunidade escolar no uso seguro da internet, além de ser uma formação importante para o mercado de trabalho. Por isso, ampliamos o número de bolsas, já que no ano passado oferecemos 9 mil e chegamos em 2014 com 11 mil benefícios disponíveis”, afirma o secretário da Educação, professor Herman Voorwald.

Em 2013, o Acessa Escola alcançou a marca de 30,7 milhões de acessos à internet. O número representa aumento de 62%, comparado aos 18,9 milhões de registros em 2011.