sexta-feira, 12/12/2014
Sociedade

8º Prêmio Professores do Brasil reconhece trabalho de docentes da rede estadual

Dois projetos de educadores de escolas estaduais paulistas estão entre os selecionados

Nessa quinta-feira (11), foi realizada a cerimônia de premiação do 8º Prêmio Professores do Brasil. E, entre os selecionados, estão dois projetos de docentes da rede estadual paulista.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

Com uma revista que trata sobre sexualidade, o professor de biologia Felipe Rodrigues Pius, da escola de tempo integral E.E. Doutor Celso Gama, em Santo André, desmistifica e quebra os tabus referentes ao assunto. Uma vez por semana, o educador aborda a temática dentro da sala de aula de uma forma descontraída por meio de dinâmicas de grupo e com atividades lúdicas, como o teatro.

“Um dos diferenciais do projeto é que não trabalhamos com o sistema de notas. A avaliação consiste em ver como eles crescem como pessoa. Neste sentido, os alunos participam das atividades com mais liberdade, falando sobre o tema, que é considerado um tabu, de uma forma mais livre”, revela.

Intitulada de “Diário da Sexualidade”, a revista nasceu com recursos do programa Projetos Descentralizados nas Unidades Escolares (PRODESC). A publicação possui 20 páginas com textos e diagramação construídos em conjunto por alunos e professores. O trabalho concorre ao prêmio na categoria Educação Integral e Integrada. “Estou muito feliz por ser um dos selecionados. Mantenho contato direto com os alunos via Facebook e eles ficaram na torcida, acompanhando de perto a cerimônia”, conta entusiasmado.

Outro projeto selecionado é o “Leitura de clássico brasileiro e inclusão digital”, da professora Alaide das Graças Candido Marino, da E.E. Professora Aurelina Ferreira, em Ubatuba. A iniciativa concorre na categoria Educação Digital Articulada ao Desenvolvimento do Currículo.

Todos os professores responsáveis pelos projetos selecionados receberão um prêmio de R$ 6 mil, além de troféu e certificados expedidos pelas instituições promotoras do Prêmio. O vencedor de cada uma das oito subcategorias do programa ganhará um prêmio extra de R$ 5 mil.

Prêmio Professores do Brasil

Iniciativa do Ministério da Educação (MEC), o Prêmio Professores do Brasil acontece desde 2005 e tem o objetivo de reconhecer o trabalho dos educadores das redes públicas de ensino dando visibilidade às experiências pedagógicas conduzidas pelos docentes ao longo o ano letivo e valorizando o papel dos professores como agentes fundamentais no processo formativo das novas gerações.

Mais de dois milhões de professores de todos os níveis da educação básica do sistema público de ensino podem participar. Para isso, é preciso ter em prática algum projeto criativo e bem sucedido com os alunos.