quinta-feira, 19/11/2015
Grêmio Estudantil

Secretaria reafirma compromisso com reorganização; propostas para estudantes irão ampliar diálogo

Secretário Herman Voorwald participou de reunião e apresentou propostas aos jovens nesta quinta (19)

A reorganização escolar não foi suspensa. A proposta, que tem como foco a ampliação do número de escolas que atendem uma única faixa etária, deverá ter seu início em 2016.

Em reunião nesta quinta-feira (19), no Tribunal de Justiça de São Paulo, o secretário Herman Voorwald conversou com movimentos estudantis e apresentou propostas que visam estabelecer o diálogo entre os alunos e a Secretaria para que o processo de reorganização ocorra.

Entre as propostas discutidas pelo secretário estão o envio de documentos que esclarecerem os pontos que determinaram a reorganização de cada uma das escolas, realização de novas reuniões nas unidades, além da definição de representantes entre os alunos, membros do Grêmio Estudantil ou do conselho de escola, que consolidarão propostas sobre o processo em suas unidades para serem avaliadas pelas diretorias de ensino e pela Secretaria da Educação.

– Confira aqui as propostas na íntegra

Com a reorganização escolar, a Educação propõe que os alunos estudem em ambientes mais adequados para suas necessidades e contem com estratégias pedagógicas pensadas exclusivamente para a fase e a realidade que vivem.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

A partir de 2016, serão 754 unidades a mais deste modelo. O ganho pedagógico é o principal orientador da proposta. No Ensino Médio, por exemplo, os alunos que estudam nas escolas de ciclo único têm desempenho 28% superior. Saiba mais.