• Siga-nos em nossas redes sociais:
segunda-feira, 15/03/2010
Últimas Notícias

Alunos da rede estadual no ABCD são beneficiados pelo Bolsa Talento Esportivo

Programa do Governo do Estado oferece auxílio financeiro a alunos-atletas de escolas paulistas que se destacam em modalidades olímpicas e paraolímpicas Dos 277 atletas brasileiros que participaram dos Jogos Olímpicos realizados em 2008 na China, 112 eram do Estado de São Paulo, ou seja, 40% do total. Dos 74 atletas brasileiros ganhadores de medalhas, 26 são […]

Programa do Governo do Estado oferece auxílio financeiro a alunos-atletas de escolas paulistas que se destacam em modalidades olímpicas e paraolímpicas

Dos 277 atletas brasileiros que participaram dos Jogos Olímpicos realizados em 2008 na China, 112 eram do Estado de São Paulo, ou seja, 40% do total. Dos 74 atletas brasileiros ganhadores de medalhas, 26 são de São Paulo. Os números fazem do Estado um reconhecido berço para talentos no esporte, que não se restringe apenas aos grandes clubes, mas abrange também às escolas paulistas. Quarenta e cinco alunos-atletas da rede estadual de ensino se destacam pelo alto rendimento e, por isso, recebem mensalmente ajuda de custo do Programa Bolsa Talento de R$ 415, repassados pela Secretaria de Esporte, Lazer e Turismo do Estado de São Paulo. Dentre esses alunos, cinco são de escolas da região do ABCD.

As escolas exercem um papel importante no incentivo e introdução do jovem à prática esportiva, sendo muitas vezes peça fundamental no início da carreira de atletas profissionais. Foi dessa forma que a adolescente Thalita Coelho Rodrigues, de 16 anos, conheceu o atletismo. “A escola me incentivou a participar de uma seleção de atletismo no Estádio Bruno Daniel (em Santo André) e fui até lá conferir. Estudo de manhã e queria participar de uma atividade física no período da tarde”, diz Thalita, que é aluna do 2º ano do Ensino Médio na Escola Estadual Oito de Abril, no município de Santo André, no ABC Paulista.

Hoje, Thalita é especialista em provas de 200 e 400 metros rasos e acumula medalhas em competições que disputou pela escola e pela equipe onde treina. Pelos bons resultados, a jovem conseguiu apoio no Programa Bolsa Talento Esportivo.

“Acho importante esse incentivo, pois as pessoas começam a dar mais valor ao esporte. Estimula a gente a continuar com os treinos e tentar seguir a carreira”, comenta Thalita, que já sonha com a possibilidade de disputar uma Olimpíada, talvez em 2016, no Brasil. “É um sonho. A gente tem que se esforçar ao máximo para conseguir”, complementa.

Na rede estadual paulista, os alunos não só tem aulas de educação física, previstas na grade curricular do ensino regular, mas também podem participar das Atividades Curriculares Desportivas (ACD), que são oferecidas gratuitamente pelo Estado. Coordenadas por professores de educação física da rede, essas atividades acontecem em horário alternados com as aulas regulares e tem por objetivo aprofundar o contato do aluno com a modalidade esportiva. “Na ACD, o aluno pode escolher um a modalidade na qual queira se aperfeiçoar e iniciar um treinamento de base. A partir daí começa a participar de competições, entrando de fato no meio esportivo”, explica Silveira.

Sobre o Programa Bolsa Talento Esportivo

Lançado em janeiro deste ano pelo Governo do Estado de São Paulo, o Bolsa Talento Esportivo é um programa de incentivo criado para beneficiar atletas de alto rendimento e estudantes matriculados em escolas públicas e privadas de todo o Estado que se destacam em torneios estaduais ou nacionais, dando melhores condições de treinamento aos esportistas.

Atualmente, 200 atletas já recebem o auxílio. Até o fim do 1º semestre de 2010, a Secretaria de Esporte, Lazer e Turismo contemplará mais 200 esportistas. Tem direito ao benefício o atleta que estiver vinculado a entidades esportivas paulistas há pelo menos um ano. Os interessados não podem estar inscritos em programas semelhantes ou recebendo recursos de patrocinadores. A bolsa vale por 12 meses e é renovável.