• Siga-nos em nossas redes sociais:
terça-feira, 09/12/2003
Últimas Notícias

Bônus para educadores é aprovado na Assembléia Legislativa

Na última quinta-feira, 4 de dezembro, a Assembléia Legislativa aprovou a concessão dos bônus mérito e gestão aos educadores da rede pública estadual. A gratificação deverá premiar, no início do próximo ano, os profissionais da educação pelas ações desenvolvidas nas escolas. Este ano, a Secretaria propôs uma medida única para a premiação, em substituição aos […]

Na última quinta-feira, 4 de dezembro, a Assembléia Legislativa aprovou a concessão dos bônus mérito e gestão aos educadores da rede pública estadual. A gratificação deverá premiar, no início do próximo ano, os profissionais da educação pelas ações desenvolvidas nas escolas.

Este ano, a Secretaria propôs uma medida única para a premiação, em substituição aos bônus gestão e mérito que vinham sendo pagos desde 2000. O bônus deverá obedecer o valor mínimo de R$ 1.200, 00 e o educador deverá ter cumprido o mínimo de 200 dias de exercício no período de fevereiro a novembro de 2003.

Os bônus gestão e mérito são destinados a professores, diretores, vice-diretores, assistentes de diretor de escola, coordenadores pedagógicos, professores coordenadores, supervisores de ensino e  dirigentes regionais de ensino.

Com a aprovação do prêmio, esta será a quarta vez que o bônus gestão e mérito é concedido aos educadores, buscando a valorização destes profissionais e a melhoria na qualidade de ensino nas escolas da rede pública estadual.

Também tramita na Assembléia, o Projeto de Lei que visa conceder bônus merecimento aos funcionários do Quadro de Apoio Escolar(QAE) e do Quadro da Secretaria da Educação(QSE).

O bônus merecimento é uma vantagem pecuniária e deverá ser estendido aos Agentes de Serviços Escolares, Agentes de Organização Escolar, Secretários de Escola, Agentes Administrativos e demais funcionários que integram o QAE ou o QSE, em exercício nas escolas estaduais, nas Diretorias de Ensino ou em outros órgãos da estrutura básica da Secretaria da Educação.

Luciane Salles