segunda-feira, 31/08/2009
Últimas Notícias

Começa nesta terça-feira o período de matrículas antecipadas para Ensino Fundamental

Todas as escolas públicas do Estado serão postos de cadastramento A Secretaria de Estado da Educação inicia nesta terça-feira (1/9) o período de matrículas antecipadas para estudantes de 1ª a 8ª série do Ensino Fundamental que estão fora da escola ou que desejam ingressar na rede pública de ensino. Até o dia 30 de setembro, […]

Todas as escolas públicas do Estado serão postos de cadastramento

A Secretaria de Estado da Educação inicia nesta terça-feira (1/9) o período de matrículas antecipadas para estudantes de 1ª a 8ª série do Ensino Fundamental que estão fora da escola ou que desejam ingressar na rede pública de ensino. Até o dia 30 de setembro, todas as escolas públicas do Estado serão postos de cadastramento.

Para efetuar a inscrição, pais ou responsáveis devem procurar qualquer unidade estadual ou municipal, levando um comprovante de residência. É recomendado a apresentação de certidão de nascimento ou R.G da criança.

A matrícula antecipada é válida para crianças a partir de 6 anos completos ou a completar até o início do ano letivo de 2010. O período também é válido para adolescentes a partir dos 16 anos interessados em ingressar no Ensino Fundamental da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Aqueles que já estudam em escolas estaduais ou municipais serão re-matriculados automaticamente.

Entre outubro e novembro, os dados colhidos durante o período de cadastramento serão organizados e as matrículas efetivadas. Os alunos que já estudam na rede pública receberão a informação sobre a escola de destino na própria unidade que frequentam. Para os demais estudantes, a Secretaria de Estado da Educação vai enviar correspondência informando a escola em que foi matriculado.

Planejamento

Realizada em parceria com os 645 municípios do Estado, a matrícula antecipada é uma importante ferramenta de planejamento da Secretaria de Estado da Educação. Por meio do sistema, é possível que a Pasta e os municípios consigam organizar o atendimento dos alunos ingressantes, garantindo que o estudante seja encaminhado à escola mais próxima de sua casa, além de evitar filas nas portas das escolas no início do ano letivo.