terça-feira, 02/08/2011
Bolsa

Inscrições para o Programa Bolsa Universidade abrem nesta segunda-feira

São mais de 4.600 vagas, em todo o Estado, destinadas a universitários que receberão bolsa integral para atuar  como educadores nas unidades integrantes  do programa Escola da Família As inscrições para o programa Bolsa Universidade, desenvolvido pela Secretaria de Estado da Educação, têm início nesta terça-feira (02/08) e vão até o dia 12 de agosto. […]

São mais de 4.600 vagas, em todo o Estado, destinadas a universitários que receberão bolsa integral para atuar  como educadores nas unidades integrantes  do programa Escola da Família

As inscrições para o programa Bolsa Universidade, desenvolvido pela Secretaria de Estado da Educação, têm início nesta terça-feira (02/08) e vão até o dia 12 de agosto. São mais de 4.600 vagas para universitários interessados em estagiar como educadores do programa Escola da Família em escolas públicas de todo o Estado.

Para se candidatar é preciso estar regularmente matriculado em uma instituição de ensino superior conveniada ao programa, não receber outra bolsa ou financiamento proveniente de recursos públicos e ter disponibilidade para atuar como educador universitário aos finais de semana.

Para se inscrever, os universitários devem acessar o site escoladafamilia.fde.sp.gov.br . No endereço eletrônico, também pode ser consultada a relação de vagas e de instituições de ensino conveniadas, por meio do link “Faculdade/Bolsa Universidade”, “Diretoria de Ensino/Faculdade” e “Operação/Candidato”.

O estudante contemplado receberá bolsa integral de seu curso, custeada pela Secretaria, que arca com o valor proporcional a 50% da mensalidade (desde que não ultrapasse o teto de R$ 310), e pela instituição de ensino, que completa o restante do valor. Em contrapartida, o universitário atuará como educador aos sábados e domingos, em uma escola participante do Escola da Família,  auxiliando no desenvolvimento das atividades previstas pelo programa.

Outras informações podem ser obtidas junto à Central de Atendimento da Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE), pelo telefone 0800 777 0333 ou pelo email escoladafamilia@fde.sp.gov.br .

Vagas por Diretoria de Ensino

 

Diretoria de Ensino

Vagas Disponíveis

Adamantina

3

Americana

93

Andradina

41

Apiaí

55

Araçatuba

49

Araraquara

23

Assis

33

Barretos

53

Bauru

41

Birigui

31

Botucatu

70

Bragança Paulista

42

Caieiras

150

Campinas Leste

116

Campinas Oeste

152

Capivari

28

Caraguatatuba

16

Carapicuíba

102

Catanduva

13

Centro

36

Centro Oeste

43

Centro Sul

22

Diadema

10

Franca

72

Guaratinguetá

2

Guarulhos Norte

2

Itapecerica Da Serra

173

Itapetininga

59

Itapeva

2

Itapevi

136

Itararé

63

Itu

78

Jacareí

58

Jales

116

Jau

86

Jose Bonifacio

67

Jundiaí

72

Leste 1

4

Leste 3

2

Leste 4

3

Limeira

22

Lins

47

Mauá

188

Miracatu

25

Mirante Do Paranapanema

63

Mogi Das Cruzes

26

Mogi Mirim

2

Norte 1

139

Norte 2

1

Osasco

9

Ourinhos

23

Penápolis

20

Pindamonhangaba

41

Piracicaba

32

Piraju

28

Pirassununga

112

Presidente Prudente

57

Registro

34

Ribeirão Preto

93

Santo Andre

22

Santos

140

São Bernardo Do Campo

27

São Carlos

22

São João Da Boa Vista

20

São Joaquim Da Barra

31

São Jose Do Rio Preto

52

São Jose Dos Campos

105

São Roque

103

São Vicente

21

Sertãozinho

10

Sorocaba

117

Sul 1

68

Sul 2

135

Sul 3

66

Sumaré

97

Suzano

2

Taboão Da Serra

49

Taquaritinga

47

Taubaté

58

Tupã

55

Votorantim

98

Votuporanga

93

 

Sobre o programa Escola da Família

Desde 2003, o Escola da Família aproxima sociedade e escola promovendo a integração de estudantes, crianças, jovens, adultos e idosos com um trabalho que sociabiliza, diverte e educa. Por meio do programa, as unidades escolares da rede pública de São Paulo são abertas aos sábados e domingos à comunidade local, para realização de atividades voltadas ao esporte, à cultura, à saúde e ao trabalho (os quatro eixos do programa).

As atividades são promovidas com o auxílio de profissionais da Educação, voluntários e educadores universitários e visam a inclusão social, tendo como foco o respeito à pluralidade e uma política de prevenção que promova uma qualidade de vida cada vez melhor.