segunda-feira, 23/09/2019
Concursos

Concurso de pintura e desenho sobre Brasil e Israel continua com inscrições abertas

Concurso premiará os melhores trabalhos artísticos de estudantes paulistas; escolas deverão encaminhar trabalhos até o dia 16 de outubro

Estudantes do Ensino Fundamental e Ensino Médio de toda a rede estadual de São Paulo podem participar da edição 2019 do Concurso WIZO de Pintura e Desenho, cujo tema é Brasil-Israel: A História das Religiões. O evento é uma parceria entre a Secretaria Estadual da Educação e a Organização Feminina WIZO (Women´s International Zionist Organization), iniciativa fundada por mulheres judias que trabalha pelo bem-estar social, e é exclusivo aos alunos das escolas estaduais de São Paulo.

Confira a apostila do concurso

As escolas interessadas em participar deverão selecionar e enviar no máximo 10 trabalhos de seus alunos à Organização Feminina WIZO até o dia 16 de outubro.

Para participar, os estudantes do Ensino Fundamental e do Ensino Médio devem, seguindo o tema proposto, elaborar uma produção individual de pintura ou desenho, em cartolina, papel ou tela sem moldura, medindo no máximo 50×70 cm, utilizando técnicas como óleo, acrílico, guache, aquarela, nanquim, lápis, lápis de cera, mosaico, entre outras.

Vencedores e premiação

Para definir os vencedores um júri oficial será composto por um representante da Seduc, artistas plásticos, membros e dirigentes da WIZO, que selecionará e classificará os trabalhos vencedores em 1º, 2º e 3º colocados. Ainda poderão ser distribuídas menções honrosas.

O aluno vencedor do primeiro lugar eleito pelo júri oficial ganhará uma viagem a Brasília, acompanhado do seu professor, com estadia de três dias. Os demais premiados receberão medalhas, kits de pintura e um artigo eletrônico. Os professores também serão presenteados. Todas as escolas receberão certificado de participação.

Também haverá um júri aberto, composto por integrantes da WIZO e convidados de outras organizações, que selecionará um trabalho que receberá o prêmio júri aberto. A solenidade de premiação está prevista para o dia 11 de novembro na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.

Há ainda o Prêmio EJA, uma classificação especial para alunos inscritos na Educação de Jovens e Adultos da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo