quarta-feira, 05/03/2014
Professores e Funcionários

Confira sugestões para realizar o planejamento escolar em sua unidade

Professores e gestores das cinco mil escolas estaduais participam da ação entre dias 5 e 7 de março

A partir dessa quarta-feira (5), os professores e gestores das mais de cinco mil escolas estaduais paulistas estarão reunidos para planejar as ações que serão colocadas em prática ao longo de 2014. A mobilização para o planejamento escolar acontece até a próxima sexta-feira (7).

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

Para auxiliar as escolas na preparação para este momento, a Coordenadoria de Gestão da Educação Básica (CGEB) preparou um documento com sugestões para o planejamento de cada um dos ciclos de ensino, além de orientações para os núcleos de educação especial e educação de jovens e adultos.

“O documento traz informações gerais sobre questões pedagógicas, como os grandes temas que devem ser discutidos ao longo do ano, questões sobre avaliação e reforço, com o objetivo de garantir o aprendizado pleno dos nossos alunos. Ainda estão presentes temas como a educação integral e a educação inclusiva”, afirma João Freitas, diretor de Desenvolvimento Curricular e de Gestão da Educação Básica.

– Confira aqui o documento na íntegra

Outro ponto importante para o planejamento desse ano é a adequação ao calendário escolar, que será diferente em 2014 devido aos eventos da Copa do Mundo no Brasil. “Os gestores e os próprios professores podem consultar o documento também a respeito das informações gerais, como informes sobre calendário escolar, que esse ano é diferente por causa da Copa do Mundo, o que tornou o segundo semestre um pouco mais longo e por isso teremos também um recesso em outubro”, detalha Freitas.

Com a medida, as férias escolares irão ocorrer de 12 de junho a 11 de julho, período em que os jogos de futebol acontecem. Os alunos, professores e servidores também terão uma semana de recesso entre os dias 13 e 19 de outubro, fazendo com que o segundo semestre letivo não seja tão longo se comparado ao primeiro.

O calendário escolar é um dos principais tópicos para a organização do planejamento, assim como a infraestrutura das escolas, a proposta pedagógica e o trabalho coletivo. “A proposta foi trazer informações importantes para todos os segmentos da educação básica. Essas orientações para o planejamento são importantes, pois trazem as diretrizes da Educação, respeitando a autonomia da unidade escolar para que tratem das suas especificidades”, explica Freitas.  

Para saber mais, acesse a intranet da Educação