segunda-feira, 28/03/2022
Notícia

Cooperação técnica entre Educação de SP e Governo Britânico fortalece ensino de inglês na rede

Governo Estadual firma parceria para acesso a recursos pedagógicos, revisão de currículos, avaliação e formação de professores

A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP) e a Secretaria de Relações Internacionais assinaram termo aditivo com o Governo do Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte, por meio do Consulado Britânico, para fortalecer o ensino de inglês da rede estadual de ensino de São Paulo.

 Já existe, entre os dois governos, entendimento acerca de processos voltados para o desenvolvimento da prática pedagógica. Com o novo termo, a Seduc-SP estabelece cooperação técnica para acesso a recursos pedagógicos, revisão dos currículos de ensino de inglês, avaliação e formação de professores de inglês, além de metodologias de ensino baseadas em evidências e boas práticas internacionais.

A oferta do idioma pela Secretaria Estadual da Educação de São Paulo (Seduc-SP) atende a uma necessidade do mercado de trabalho, aumentando as chances de inserção profissional para os alunos. Para o Secretário da Educação, Rossieli Soares, o ensino de idiomas na rede estadual cumpre também a função social de formação cidadã. “Além do estudo da língua estrangeira, os estudantes ampliam sua formação cultural, explorando nas aulas os costumes de outros países”, destaca.

O programa será totalmente desenvolvido com recursos do Governo Britânico e evidencia a boa relação diplomática entre o Estado de São Paulo e o Reino Unido. “Este é o resultado de uma articulação propositiva com o Consulado Britânico. O nosso papel é apoiar a concretização desse tipo de cooperação para trazer experiências positivas para São Paulo”, afirma Julio Serson, Secretário de Relações Internacionais do Estado.

O termo aditivo foi assinado pelo Secretário Rossieli Soares, pelo Secretário Estadual de Relações Internacionais, Júlio Serson, e pela Ministra Conselheira e Cônsul Geral adjunta do consulado geral britânico em São Paulo, Lisa Weedon.