quinta-feira, 30/11/2017
EJA - Educação de Jovens e Adultos

Visite o jardim suspenso do “Banespinha” e se surpreenda com a vista do centro da capital

As visitas não precisam ser agendadas, mas o interessado deve chegar com, pelo menos, uma hora de antecedência

O Banespinha ou Palácio das Indústrias, como é conhecido por muitos, é um dos prédios mais icônicos da capital paulista. Atualmente, abriga a sede da prefeitura do município de São Paulo. Batizado como Edifício Matarazzo, construído em 1939 para ser sede da empresa que leva o mesmo nome, o prédio tem em seu terraço, no 14º andar, um jardim suspenso que recebe o público para visitação, que ocorre de segunda-feira a sábado.

O espaço abriga mais de 400 plantas, entre árvores e espécies rasteiras, sendo que algumas delas são enormes e chegam a medir cerca de oito metros de comprimento. É a junção entre toda essa área verde e os prédios mais próximos que forma um contraste merecedor de ser apreciado de perto. Além disso, o turista encontra um agradável, e inimaginável, lago com carpas para ficar um bom tempo relaxando.

Os interessados em visitar o Jardim Suspenso do Edifício Matarazzo devem, primeiramente, ficar atentos à previsão do tempo: em dias chuvosos não há passeio. Após isso, basta escolher em qual dos três horários disponíveis quer dar uma passada por lá: 10h30, 14h30 ou16h30. Lembre-se, é necessário chegar com, no mínimo, uma hora de antecedência para conseguir fazer parte do grupo, que é formado por no máximo 10 pessoas (ou seja, 30 pessoas visitam o local por dia). É simples, chegue cedo, leve um documento com foto e coloque seu nome na lista. A visita também pode ser feita por guias que falam inglês ou espanhol, uma excelente dica para você que está recebendo aquele amigo gringo em sua casa.

O Edifício Matarazzo fica bem pertinho do viaduto do Chá, na rua Dr. Falcão Filho, 56 – Centro. A estação de Metrô mais próxima é a Anhangabaú. A visitação é gratuita.