quinta-feira, 26/01/2012
Imprensa

Educação abre concurso para 10 mil cargos de agentes de organização escolar

As instruções especiais para o certame foram publicadas no “Diário Oficial do Estado” desta quarta-feira  As inscrições poderão ser feitas no site da Fundação Vunesp, das 10h do dia 14 de março às 16h do dia 26 de março A Secretaria da Educação publicou no “Diário Oficial do Estado” desta quarta-feira (25/01) as instruções especiais […]

As instruções especiais para o certame foram publicadas no “Diário Oficial do Estado” desta quarta-feira

 As inscrições poderão ser feitas no site da Fundação Vunesp, das 10h do dia 14 de março às 16h do dia 26 de março

A Secretaria da Educação publicou no “Diário Oficial do Estado” desta quarta-feira (25/01) as instruções especiais do concurso público destinado ao preenchimento de 9.932 cargos de agente de organização escolar (AOE), que serão distribuídos dentre as escolas da rede em todo o Estado. Os interessados poderão se cadastrar no site da Fundação Vunesp, das 10h do dia 14 de março às 16h do dia 26 de março (horário de Brasília). O valor da inscrição é de R$ 22,90 e o pagamento deve ser feito via boleto bancário, disponível para impressão no mesmo endereço eletrônico.

 A iniciativa tem por objetivo o provimento de cargos vagos e outros que forem desocupados ou autorizados no decorrer do prazo de validade do certame, que é de dois anos, a partir da homologação do mesmo, podendo ser prorrogado por igual período. O concurso será composto por prova objetiva, sobre conhecimentos gerais e específicos, de caráter eliminatório e classificatório, além de avaliação de títulos, apenas para classificação. A data e as informações sobre horários e locais do exame serão divulgadas oportunamente por meio de edital no “Diário Oficial” e no site da Fundação Vunesp.

Para concorrer às vagas, os candidatos deverão atender às seguintes exigências: possuir nacionalidade brasileira; ter idade mínima de 18 anos completos; estar em situação regular com a Justiça Eleitoral; estar em dia com as obrigações do Serviço Militar (para os candidatos do sexo masculino); não registrar antecedentes criminais, achando-se no pleno exercício de seus direitos civis e políticos; possuir certificado de conclusão em curso de nível médio ou equivalente, reconhecido pela Secretaria da Educação; ter conhecimentos de informática; apresentar os originais do certificado de sanidade e capacidade física, emitido pelo órgão médico oficial do Estado de São Paulo.

          Ao realizar a inscrição, o candidato deverá optar por uma das 91 diretorias de ensino pertencentes à rede estadual de ensino de São Paulo, na qual realizará a prova e a entrega de títulos e a qual estará vinculado para fins de classificação, escolha de vaga e nomeação. O cadastro só será confirmado após a comprovação do pagamento da taxa de inscrição.

A função do agente de organização escolar é dar suporte às ações da secretaria e atender à comunidade da escola, de acordo com as necessidades da respectiva unidade de ensino. Entre suas atribuições, estão: zelar pelo bem-estar dos alunos e pela estrutura física da unidade; orientar os estudantes quanto às normas de conduta previstas no regimento escolar; controlar a movimentação dos estudantes nas dependências da escola e imediações; auxiliar na manutenção da disciplina geral. A jornada de trabalho do AOE é de 40 horas semanais e o salário é de R$ 800,00.

        

   Agentes temporários

        O governador Geraldo Alckmin autorizou ainda, em publicação do último dia 21, a contratação temporária de 14.808 agentes de organização escolar (AOE) e de 5.550 agentes de serviços escolares (ASE), que poderão atuar nas escolas estaduais em todo o Estado.

O processo seletivo será realizado de forma descentralizada pelas 91 diretorias regionais de ensino, que, mediante necessidade, publicarão edital no “Diário Oficial do Estado” com os respectivos locais e períodos para inscrições, sem custo para o candidato. A seleção é feita por prova classificatória. Haverá nota mínima de corte, determinada pela diretoria regional.

Para vagas de AOE, o candidato precisa ter Ensino Médio completo ou equivalente e para os postos de ASE é necessário ter completado o ciclo II do Ensino Fundamental. O candidato saberá se foi selecionado por meio de publicação no “Diário Oficial”.

     A contratação, que poderá ser feita pelo prazo máximo de 12 meses, atenderá à demanda criada com novas unidades escolares e a ampliação das já existentes, adequando o módulo de servidores de cada unidade escolar.