segunda-feira, 11/03/2013
Imprensa

Educação destina R$ 343,9 milhões a obras em escolas da rede estadual na Região Metropolitana de São Paulo

O investimento será aplicado em reformas, ampliações ou construções de unidades de ensino locais No ano passado a região recebeu aporte total de R$ 240,4 milhões A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo destinará neste ano ao menos R$ 343,9 milhões para reformas, ampliações ou construções de unidades de ensino na capital e […]

O investimento será aplicado em reformas, ampliações ou construções de unidades de ensino locais

No ano passado a região recebeu aporte total de R$ 240,4 milhões

A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo destinará neste ano ao menos R$ 343,9 milhões para reformas, ampliações ou construções de unidades de ensino na capital e Grande São Paulo. O valor supera os R$ 240,4 milhões aplicados no ano passado em 519 escolas e 12 diretorias de ensino da região.

Do total a ser investido neste ano, R$ 312,6 milhões serão direcionados a melhorias de 542 escolas e sete sedes administrativas da região. Mais R$ 31,3 milhões serão empregados na construção de duas escolas, localizadas em Itaquaquecetuba e Jandira, que criarão juntas 2.100 vagas para alunos de Ensino Fundamental ciclo II (6º a 9º ano) e Médio, além de três escolas na capital, que criarão juntas 4.830 vagas para alunos de Ensino Fundamental ciclo II e Médio.

O valor inclui ainda a construção de duas unidades de educação infantil, por meio do programa Creche-Escola. A previsão é que as obras sejam concluídas até o fim do ano.

Em todo o Estado, mais de R$ 958 milhões devem ser investidos neste ano em reformas ou ampliações de escolas estaduais. O investimento é 108% maior do que o aporte feito em 2012, quando R$ 460,4 milhões foram aplicados na melhoria de prédios escolares.

Desde 2011, a Secretaria da Educação investiu R$ 943,8 milhões em reformas, ampliações ou construções de escolas estaduais em todo o Estado. Somente nos últimos dois anos, o Governo do Estado entregou 57 novas escolas, que disponibilizaram 65.520 vagas.