terça-feira, 25/02/2014
Imprensa

Educação recebe 5 mil acervos ecológicos e leva ação ambiental para escolas estaduais de SP

Em parceria com a Secretaria do Meio Ambiente, todas as unidades escolares ganham kits com 120 mil livros sobre aquecimento global, reciclagem e temas sustentáveis As Secretarias da Educação e do Meio Ambiente do Estado de São Paulo celebram nesta terça-feira, dia 25, uma parceria para reforçar o pacto de tornar todas as 5 mil […]

Em parceria com a Secretaria do Meio Ambiente, todas as unidades escolares ganham kits com 120 mil livros sobre aquecimento global, reciclagem e temas sustentáveis

As Secretarias da Educação e do Meio Ambiente do Estado de São Paulo celebram nesta terça-feira, dia 25, uma parceria para reforçar o pacto de tornar todas as 5 mil escolas estaduais polos de formação sustentável dos 4 milhões de alunos. Cada unidade escolar vai receber um kit de educação ambiental, formado por 24 livros, que orientam crianças e adolescentes de todas as idades a reciclar lixo, amenizar o aquecimento global, economizar água e luz entre outros tópicos de proteção dos recursos naturais do planeta.

O objetivo é que o acervo sustentável composto por 120 mil títulos no total – entre almanaques, cartilhas e dicionários – seja utilizado em ações ecológicas elaboradas para estudantes de todas as idades.  A entrega do primeiro kit foi feita na sede da Educação, na capital paulista, e contou com a participação dos secretários da Educação, professor Herman Voorwald, e do Meio Ambiente, Bruno Covas. 

O material ficará disponível nas salas de leitura ou nos espaços destinados aos livros nas 5 mil escolas do Estado e será distribuído ainda aos professores-coordenadores de educação ambiental das 91 diretorias de ensino e aos monitores do projeto APE (Ações Preventivas na Escola), que atuam no Programa Escola da Família. O kit foi elaborado pela Coordenadoria de Educação Ambiental (CEA) da Secretaria do Meio Ambiente, em linguagem lúdica e ilustrações, e contempla desde histórias infantis até guias de gestão de desastres ambientais.

“Nossas escolas são espaços de formação integral dos jovens e o compromisso ambiental também faz parte da nossa atuação. A distribuição dos livros integra as ações já desenvolvidas pela rede de ensino que buscam fazer com que os alunos sejam multiplicadores das mudanças comportamentais em toda a comunidade escolar”, afirma o secretário da Educação, professor Herman Voorwald.

 O secretário do Meio Ambiente, Bruno Covas, avalia que a parceria com a Secretaria da Educação é importante para levar informações e ações de educação ambiental para as crianças e jovens. “Precisamos conscientizar as gerações futuras para preservar a biodiversidade, fundamental para a nossa sobrevivência no mundo”, reitera.

Uma equipe da Secretaria da Educação avaliou os títulos e vai disponibilizar um passo a passo para orientar os diretores e dirigentes de ensino sobre a utilização do kit e quais publicações são indicadas para cada série. Além disso, o acervo poderá servir de base para mobilizações e atividades educativas em prol do meio ambiente organizadas pelas 2,3 mil escolas da família que todo final de semana abrem as portas para a comunidade.