quarta-feira, 07/12/2005
Últimas Notícias

Educadores da rede estadual debatem projetos da Agenda 21

A agenda foi lançada durante a Eco-92 e prevê melhoria ambiental na Terra, nos próximos 100 anos. Assinada por 179 países, durante a reunião patrocinada pela ONU, no Rio de Janeiro (Eco-92), a Agenda 21 foi integrada ao conteúdo pedagógico das escolas paulistas. O documento prevê a interação comunitária na resolução dos problemas que afetam […]

A agenda foi lançada durante a Eco-92 e prevê melhoria ambiental na Terra, nos próximos 100 anos.

Assinada por 179 países, durante a reunião patrocinada pela ONU, no Rio de Janeiro (Eco-92), a Agenda 21 foi integrada ao conteúdo pedagógico das escolas paulistas. O documento prevê a interação comunitária na resolução dos problemas que afetam o ambiente do planeta.

A DE de Itararé, por exemplo, realizou várias oficinas de capacitação dos professores para atender as propostas aprovadas durante a Eco-92. Com a participação de 90 educadores de várias disciplinas por sessão, as unidades da rede pública montaram a Agenda 21 na escola.

A comunidade teve ampla participação nos debates interdisciplinares e no acompanhamento dos projetos. A exposição anual sobre tudo o que foi feito na região começou ontem e termina hoje, em Itararé, quando será concluída a I Mostra de Educação Ambiental-Agenda 21 na Escola.

Caieiras abraça a causa

A exemplo de todas diretorias de ensino do Estado, Caieiras montou seu evento ambiental entre os dias 5 e 9 de dezembro. A programação envolvendo Ongs como SOS Mata Atlântica e Mata Nativa começou em Cajamar, no último domingo. As duas últimas atrações abordaram temas críticos para a região: monitoramento da qualidade das águas do município e diagnóstico sócio-ambiental da cidade.

O encontro de ontem (6) aconteceu em Francisco Morato, Mais uma vez, as escolas foram chamadas para apresentar os projetos do ano, envolvendo o uso racional da água e as condições do meio ambiente.

A programação de hoje (7) será realizada em Franco da Rocha. Haverá a apresentação do vídeo “Carta Escrita em 2070”, a partir das 9h00. Amanhã (8), a agenda inclui o vídeo “Água” e a palestra de Walter Maestro, mestre em geografia humana. A mesa é composta por representantes da sociedade civil, como o sub-comitê da Bacia Hidrográfica Juquery-Cantareira, SOS Mata Atlântica e MD Papéis, além dos secretários de Saúde e Meio Ambiente de Caieiras.

O encerramento do Fórum será em Mairiporã. As escolas apresentarão seus projetos comunitários e interdisciplinares. Como a água é tema crítico para a região, técnicos da Sabesp têm lugar garantido em todas as mesas de debates.

Outros Fóruns

I Fórum de Educação Ambiental da região de Jacareí também deve terminar hoje (7), com a apresentação dos projetos desenvolvidos pelos professores de Ciências e de Geografia do Ciclo II.

Os professores apresentarão os trabalhos temáticos que envolvem “Água, Hoje e Sempre – Consumo Sustentável”. Mogi das Cruzes debateu seus projetos comunitários nos dias 28, 29 e 30 de novembro. A DE de Birigui mostrou seu trabalho no encontro realizado no dias 1 de dezembro, em Avanhandava.

Bob