• Siga-nos em nossas redes sociais:
sexta-feira, 24/12/2021
Notícia

EFAPE promove exposições durante férias escolares

Agenda cultural acontece de dezembro a janeiro 2022

Neste período de pausa das aulas escolares, quatro exposições no prédio da Escola de Formação para Profissionais da Educação (EFAPE) estarão abertas, de dezembro de 2021 a janeiro de 2022. Ótima oportunidade para colocar a agenda cultural em dia, refletir sobre temas importantes para a educação e, também, entrar em contato com suas memórias escolares.

As exposições têm percursos narrativos que abarcam desde a história da Escola Caetano de Campos até algumas das mais recentes ações da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP), como a Agenda Antirracista, Patrimônio Escolar, suas Histórias e Memórias norteadas, Meu ABC e Projeto de Memória Oral.

Patrimônio Escolar, suas Histórias e Memórias

No piso térreo, os visitantes podem acessar uma instalação de carteiras antigas adotadas nas escolas públicas desde o fim do século XIX, algumas utilizadas até o início dos anos 1980. Nesta exposição, é possível refletir sobre a memória escolar a partir do patrimônio material. E um momento interativo: foi disponibilizada uma carteira para o público sentar e tirar uma foto. Não deixe de postar nas redes sociais!

Meu ABC

Em comemoração ao aniversário de Erico Verissimo, ainda no piso térreo, a segunda exposição traz o raro livro lançado por este autor em 1936, “Meu ABC”, que faz parte do Acervo Histórico da Escola Caetano de Campos.
Seguindo para o primeiro andar, há um espaço dedicado a contar a história da Escola Caetano de Campos, atual sede da SEDUC-SP, localizada na Praça da República, centro de São Paulo. Para compor esta mostra, foi usado o Acervo Histórico sob custódia da EFAPE por meio do CRE Mario Covas.

Agenda Antirracista

Para montar esta exposição, foram reunidos trinta desenhos realizados por alunos da rede de ensino e selecionados a partir dos resultados de concursos realizados pela SEDUC-SP entre 2019 e 2021 com os mais variados temas relacionados à temática étnico-racial. Treze deles foram escolhidos para ilustrar o kit escolar dos estudantes da Rede em 2022. Os desenhos também estão disponíveis na exposição virtual.
Ainda conta com livros na biblioteca que fazem parte do acervo étnico-racial. Os profissionais da Seduc-SP podem consultar ou tomar emprestados exemplares desses livros.

Projeto de Memória Oral

Na sequência, em um totem com uma televisão, são transmitidas duas entrevistas do “Projeto de Memória Oral”. A primeira é com Edenilce Hortencia Jorge Elliott, supervisora de ensino da rede estadual paulista, afrodescendente, que frequentou a Escola Caetano de Campos de 1960 a 1971. O ensino de Ciências na Escola Caetano de Campos: um recorte sobre os objetos de ensino adquiridos a partir do século XIX

Quem pode visitar

As exposições estão abertas para estudantes, professores, profissionais da Educação e pesquisadores de instituições públicas e privadas. Os interessados em conhecer, inclusive para agendamento de visita mediada para grupos, podem enviar um e-mail para nucleodememoriacre@educacao.sp.gov.br.
Onde: EFAPE – Rua João Ramalho, 1546 – Perdizes, São Paulo – Térreo
Quando: de dezembro a janeiro de 2022
Informações: nucleodebibliotecacre@educacao.sp.gov.br