quarta-feira, 06/06/2018
Ensino Fundamental

Escolas da Baixada Santista realizam ações sobre segurança no trânsito

Atividades com alunos e a comunidade fizeram parte do projeto Maio Amarelo

 

Cinco escolas da região da Baixada Santista realizaram no mês passado atividades relacionadas ao Maio Amarelo, mês de prevenção aos acidentes de trânsito. Na escola Barnabé, em Santos, a quadra recebeu uma cobertura especial, com a simulação de esquinas e ruas, e as crianças usaram bicicletas para aprender como agir diante dos semáforos e faixas de segurança.

Na unidade de ensino Olga Cury, jogos de tabuleiro com carrinhos foram a atração para a diversão educativa das crianças. Na EE Jardim Vicente de Carvalho, faixas de segurança foram espalhadas pela escola para mostrar aos pedestres o cuidado na hora de atravessar a rua.

A EE Marcílio Dias usou cones de sinalização e cartazes para habituar estudantes e a comunidade à sinalização de rua. E na EE Prof. Jacinto do Amaral Narducci, no Guarujá, as ações contaram com a confecção de cartazes e desenhos espalhados pela escola.

As atividades foram voltadas a toda a comunidade escolar, com a participação de pais e moradores dos bairros, além da presença de policiais militares para dar orientações. O Maio Amarelo é uma iniciativa em parceria do Poder Público com a sociedade civil para colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar toda a sociedade para efetivamente discutir o tema, engajar-se em ações e propagar o conhecimento, abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige.

Em 2010, a Assembleia-Geral das Nações Unidas editou, em março de 2010, uma resolução definindo o período de 2011 a 2020 como a “Década de Ações para a Segurança no Trânsito”. O documento foi elaborado com base em um estudo da OMS (Organização Mundial da Saúde) que contabilizou, em 2009, cerca de 1,3 milhão de mortes por acidente de trânsito em 178 países, além de outros 50 milhões de vítimas que sobreviveram com sequelas.