segunda-feira, 23/04/2012
Imprensa

Escolas estaduais aderem à Campanha do Agasalho

Neste ano, as unidades de ensino poderão encaminhar doações às entidades assistenciais de suas cidades Cartazes da ação do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo foram disponibilizados às 91 diretorias regionais de ensino Alunos e comunidade escolar das 5,3 mil unidades da rede estão mobilizados para as doações da Campanha do Agasalho […]

Neste ano, as unidades de ensino poderão encaminhar doações às entidades assistenciais de suas cidades

Cartazes da ação do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo foram disponibilizados às 91 diretorias regionais de ensino

Alunos e comunidade escolar das 5,3 mil unidades da rede estão mobilizados para as doações da Campanha do Agasalho 2012. A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo distribuiu 200 cartazes da campanha do Fundo Social de Solidariedade às 91 diretorias regionais de ensino. Neste ano, cada escola deve confeccionar sua própria caixa para doações e será responsável pela recepção e distribuição das peças arrecadadas.

A partir deste ano, cada unidade de ensino terá também autonomia para encaminhar suas doações. “Até o ano passado, todas as doações eram encaminhadas para a sede da Secretaria da Educação, que realizava um bazar e a renda era revertida para entidades assistenciais. Neste ano, as escolas poderão enviar as peças para as entidades de sua cidade, para o próprio Fundo Social de Solidariedade do município ou até mesmo para as escolas que são sede, aos finais de semana, do programa Escola da Família”, explicou Rose Louback, diretora do Centro de Projetos Especiais da Secretaria da Educação.

A campanha manteve o mesmo tema de 2011, “Roupa boa, a gente doa”. “O objetivo é chamar a atenção das pessoas a doarem roupas em perfeitas condições, não apenas para aquecer, mas para levar dignidade a quem vai receber”, afirmou a primeira-dama, Lu Alckmin, durante videoconferência realizada em março com todas as diretorias de ensino.

Além de todas as escolas estaduais, a sede da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo, localizada na Praça da República, 53, Vila Buarque, na região central da capital, também é ponto de arrecadação.

Nos últimos quatro anos, a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo arrecadou 6,5 milhões de roupas. Em 2011, a renda de R$ 8,2 mil do bazar realizado pela Educação foi revertida para duas instituições localizadas em São Paulo.