quinta-feira, 21/05/2020
Centro de Mídias SP

‘Estamos fazendo história’, dizem os professores da rede selecionados para dar aulas no Centro de Mídias

Os profissionais selecionados fazem a inscrição, passam por entrevista e são direcionados a um cursinho online

Os professores selecionados para dar aula no Centro de Mídias se sentem privilegiados em participar deste momento  junto aos alunos da rede pública estadual. Este é o caso do professor de matemática Jonas de Almeida, da Escola de Período Integral Professor Jamil Pedro Sawaya. A ideia dele é tentar agir como se estivesse em sala de aula, mantendo o carisma e a simpatia, que valem muito. “Ninguém vai ser o mesmo depois disso. Eu estou fazendo história, acredito que nós todos que estamos no Centro de Mídias. Dar aulas para todo o Estado e poder alcançar o maior número de pessoas é incrível”, comenta. E completa: “no curso, aprendemos a manter uma sala de aula em ambiente virtual. A minha maior dificuldade é o nervosismo e a questão da câmera, mas já fui até elogiado”, brinca.

Para Juliana Vilas Boas Carpi, docente de Educação Física, na Escola Estatual Professor Gastão Ramos, em Osasco, este é o inicio de uma nova era. “Eu me sinto muito feliz de estar participando dessa nova construção. Quando eu fiz a inscrição não pensei que seria designada, mas as coisas foram fluindo naturalmente, e quando veio a notícia, eu lembro que eu não conseguia sentir minhas pernas, de emoção. Você sente reconhecimento pela sua competência, pelo seu trabalho, esse foi o ponto chave. Cada vez mais você tenta programar as aulas pensando em chamar a atenção dos alunos e prender a atenção deles”, ressalta.

Segundo Mauro Marcel Santos de Brito, Professor Coordenador do Núcleo Pedagógico na Diretoria de Ensino Guarulhos Sul, participar disso é ter certeza de que está fazendo parte de algo muito maior. “Acho que daqui há 20 anos eu vou olhar pra trás e falar que eu fui o primeiro professor de português selecionado para dar aulas à distância para todo Estado de São Paulo. Ser selecionado foi bem bacana, eu me senti privilegiado. No momento de dar aula, eu já gravava vídeos para os meus alunos, no Centro de Mídias. Mas aqui é tudo diferente, passamos por aprovação, e tem muita gente por trás. É como se eu estivesse reinventado o meu trabalho”, comenta Mauro.

Centro de Mídias

O download do Centro de Mídias SP está disponível para os sistemas Android e IOS. Para ter acesso, estudantes e professores da rede estadual terão de fazer o login com os mesmos dados usados na Secretaria Escolar Digital (SED). O aplicativo foi desenvolvido pela IP.TV e doado à Secretaria de Estado de Educação (Seduc), durante a suspensão das aulas.

A Seduc patrocina a internet para que alunos e professores da rede tenham acesso aos conteúdos via celular, sem qualquer custo. Para isso, firmou contrato com as quatro maiores operadoras de telefonia: Claro, Vivo, Oi e Tim. Dessa forma, todo estudante da rede poderá desfrutar das atividades do aplicativo sem utilizar o pacote 4G do celular, sinal de internet wi-fi, ou mesmo quando estiver sem créditos.

Além da ferramenta, o Governo de São Paulo também conta com a TV Cultura para a transmissão das aulas por meio do Canal digital 2.3 – TV Cultura Educação e pela Univesp TV, sintonizando o canal 2.2.