terça-feira, 31/08/2021
Notícia

Estudantes da rede estadual da região de Sorocaba criam projeto de coleta seletiva e conquistam medalha de ouro em torneio nacional 

“Coleta do bem” visa colaborar para a sustentabilidade e desenvolvimento social do município de Itararé  

Os alunos Giovana Karolina Veloso, João Vitor Yamanaka, Gustavo Campos e Júlia Maria Ximarelli, da Escola Estadual Dr. Epaminondas Ferreira Lobo, localizada no município de Itararé, região de Sorocaba, ganharam medalha de ouro no Desafio Jovem Engenheiro (DJE), organizado pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Na 9ª edição, o evento teve como tema central Smart Cities (cidades inteligentes), que são cidades que utilizam a tecnologia para transformar a infraestrutura básica e otimizar o uso de energia e recursos. 

 
 

A última tarefa pedia que a equipe JJGG (nomeada com a sigla de cada membro do grupo) elaborasse uma proposta de intervenção para um problema local. O projeto vencedor “Coleta do bem” surgiu após os alunos perceberem uma carência quanto à reciclagem de lixo na cidade. A missão é facilitar e apoiar as atividades referentes à coleta seletiva realizada pela cooperativa Nova Esperança e catadores anônimos nos bairros do município, por meio do site da iniciativa. 

 
 

“Durante a etapa de colher informações sobre o assunto, conversamos com os membros do comércio (associação comercial), vereadores, coordenador municipal de meio ambiente e o presidente da cooperativa de reciclagem de nossa cidade” explica a professora Luciane Struminiski, orientadora do grupo. 

 
 

Ainda em processo de implementação, o site desenvolvido pela equipe JJGG será posteriormente administrado pelos membros da cooperativa. A proposta é que ele seja de fácil acesso, informativo e de baixo custo. A busca ativa dos alunos por parceiros na cidade colaborou para esse feito e em breve a prefeitura da cidade ajudará com a atualização para facilitar a comunicação entre os moradores e a cooperativa. 

 
 

“As pessoas vão olhar o site e vão notar que tem uma maneira certa de descartar, vão saber qual material a cooperativa aceita, vão ter acesso gratuitamente a computador e internet que serão disponibilizados pela associação comercial” afirma, Giovana Karolina.  

 
 

Os coletores autônomos terão um formulário de cadastramento para a coleta. A solicitação dos munícipes também acontecerá através do site. Para isso, é importante detalhar qual tipo de material será descartado identificando na sacola, assim a cooperativa e/ou o coletor autônomo saberão o tipo de lixo reciclável a ser recolhido. Um diferencial dessa ação é o cidadão poder sinalizar se já foi contaminado ou teve contato com a Covid-19.  

 

Desafio Jovem Engenheiro 

 

O Desafio Jovem Engenheiro (DJE) é um torneio de nível nacional que visa estimular em estudantes do ensino médio o desejo por ingressar em cursos superiores na área de exatas e tecnologia. 

 

Todas as etapas foram realizadas por chamadas de vídeo no Google Meet e a resolução de cada desafio enviada via Classroom. A equipe JJGG teve destaque nos três desafios do DJE, motivo pelo qual levou os estudantes à final. A disputa aconteceu com diversas escolas, foram mais de 150 estudantes de escolas públicas e particulares do Brasil, divididos em 46 grupos competidores.