quinta-feira, 08/01/2004
Últimas Notícias

Estudantes da rede pública de ensino participam do programa Caravanas do Conhecimento

O Programa oferece aos alunos a oportunidade de conhecer o litoral paulista No último dia 16 de dezembro, durante o Fórum do Governo Presente realizado em Santos, o governador Geraldo Alckmin autorizou a implementação do programa Caravanas do Conhecimento – Interior na Praia, realizado pela Secretaria da Educação em parceria com a Fundação Prefeito Faria […]

O Programa oferece aos alunos a oportunidade de conhecer o litoral paulista

No último dia 16 de dezembro, durante o Fórum do Governo Presente realizado em Santos, o governador Geraldo Alckmin autorizou a implementação do programa Caravanas do Conhecimento – Interior na Praia, realizado pela Secretaria da Educação em parceria com a Fundação Prefeito Faria Lima – Cepam. O programa acontece durante todo o mês de janeiro e possibilita o acesso de crianças de 9 a 11 anos de idade das redes de ensino municipal e estadual do interior a uma educação informal – fora da sala de aula- por meio do turismo educacional.

No mês de janeiro o destino da viagem dos estudantes em férias é o litoral paulista. O passeio tem início sempre às segundas-feiras com retorno às cidades de origem na sexta-feira. Cada turma composta por 40 crianças, sendo 20 meninas e 20 meninos, quatro monitores, dois professores, duas professoras, viaja por uma semana.

As 15 cidades do litoral paulista que participarão do Programa Caravanas do Conhecimento na qualidade de Cidades Hospedeiras são: Cananéia, Iguape, Peruíbe, Itanhaém, Mongaguá, Praia Grande, São Vicente, Santos, Cubatão, Guarujá, Bertioga, São Sebastião, Ilhabela, Caraguatatuba e Ubatuba.

As prefeituras do litoral são responsáveis pelo alojamento (disponibilizados principalmente em escolas da rede estadual), alimentação, programação de atividades, segurança e saúde.

As cidades hospedeiras terão ainda um coordenador responsável pela programação cultural, histórica, turística, esportiva e de lazer, sintonizada com a faixa etária das crianças.

Já as cidades do interior, na condição de visitantes, responsabilizam-se pela inscrição das crianças, a seleção do monitores, lanche, transporte para a viagem e passeios no litoral.

Acompanhadas de monitores preparados para transmitir conhecimento de maneira informal aos alunos em trânsito, elas aprenderão brincando sobre relevo, topografia, vocações e dificuldades regionais.

Com a implementação deste Programa, ampliam-se os horizontes dos estudantes, pela troca de experiência cultural, conhecimento de diferentes ecossistemas, da serra do mar e suas referências históricas.

Histórico: O programa Caravanas do Conhecimento, antigo Interior na Praia, foi colocado em prática pela primeira vez durante a gestão do governo Montoro. De 1984 a 1990, o programa mobilizou 160 mil crianças.

Renata Ferrarezi