quinta-feira, 24/09/2015
Cultura é Currículo

Festival de Cinema movimenta escola em São Paulo

Alunos produziram vídeos de até um minuto com o tema sustentabilidade

Antes realizado pela Diretoria de Ensino Leste 3, o Festival de Cinema se transformou em projeto institucional presente na vida escolar da E.E. Jorge Luís Borges, localizada em São Paulo.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

Já participando da ação há três anos, por meio da diretoria, a unidade escolar decidiu adotar o projeto para si, com o objetivo de que os alunos aprendessem a utilizar as tecnologias de informação e comunicação para melhorar a aprendizagem. Esse ano, é a primeira edição do projeto sendo realizado exclusivamente pela escola.

Para o Festival, os estudantes do Ensino Fundamental, Ensino Médio e até alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA), tinham que produzir um vídeo de até um minuto que abordasse o tema da iniciativa, este ano, voltada à sustentabilidade. Para a produção e edição dos vídeos, celulares e computadores eram utilizados pelos alunos.

“Nossa escola já tem alguns projetos voltados ao meio ambiente. Na semana de planejamento escolar, definimos esse tema, até por conta das questões ambientais que afloraram nos últimos dias”, afirma Bruno dos Santos Ferreira, coordenador da escola.

No total, cerca de 60 alunos da unidade escolar estão participando do projeto. Na próxima semana, acontecerá a cerimônia de votação para definir os três melhores vídeos feitos pelos “cineastas” mirins, adolescentes e adultos da rede estadual.

Cinema vai à Escola e Escola em Cena

Pensando em deixar as aulas cada vez mais atrativas, a Educação estimula as escolas a exibirem filmes relacionados ao conteúdo do Currículo oficial do Estado e levarem seus alunos a espetáculos culturais.

O projeto Cinema vai à Escola, por exemplo, consiste em exibir filmes nas unidades da rede estadual, levando mais entretenimento e informação aos alunos. As sessões acontecem conforme a necessidade dos professores de complementar a matéria que lecionam.

Já a iniciativa Escola em Cena promove o acesso dos alunos a espetáculos culturais e orienta os professores para que essas atividades sejam articuladas, de forma significativa, ao desenvolvimento do currículo. Os docentes recebem orientações com material de apoio para trabalharem em sala de aula. Saiba mais aqui.