sexta-feira, 22/03/2013
Imprensa

Governo institui Jogos Escolares do Estado de São Paulo

Foi publicado hoje no Diário Oficial o decreto que unifica a competição, realizada anualmente para alunos dos ensinos Fundamental e Médio de escolas públicas e privadas A fim de aprimorar as competições esportivas voltadas a estudantes da educação básica, a partir deste ano serão implementados os Jogos Escolares do Estado de São Paulo (JEESP), conforme […]

Foi publicado hoje no Diário Oficial o decreto que unifica a competição, realizada anualmente para alunos dos ensinos Fundamental e Médio de escolas públicas e privadas

A fim de aprimorar as competições esportivas voltadas a estudantes da educação básica, a partir deste ano serão implementados os Jogos Escolares do Estado de São Paulo (JEESP), conforme estabelece decreto publicado hoje (22/03) no Diário Oficial do Estado. Destinado a crianças e jovens matriculados em escolas públicas e privadas de todo o Estado, o evento será organizado, conjuntamente, pelas secretarias estaduais da Educação, de Esporte, Lazer e Juventude, dos Direitos da Pessoa com Deficiência e do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia.

A principal mudança está na unificação das competições. Antes eram realizados quatro campeonatos: a olimpíada escolar, os jogos escolares para escolas particulares e municipais, o campeonato estadual escolar de modalidades olímpicas e as seletivas para as paralimpíadas. Agora os jogos passam ser realizados anualmente em quatro etapas: rede pública estadual e escolas técnicas estaduais; rede pública municipal, rede particular e escolas técnicas federais; seletivas regionais e seletivas estaduais. Alunos dos ensinos Fundamental e Médio poderão competir em 13 modalidades.

Por exigência do Comitê Olímpico Internacional (COI), que detém os direitos autorais sobre os termos olimpíadas e olímpico, o evento deixa de ser denominado Olimpíadas Escolares do Estado de São Paulo e passa a se chamar Jogos Escolares do Estado de São Paulo.

A organização, elaboração de regulamentos, acompanhamento e avaliação das ações relacionadas à competição ficarão sob a responsabilidade de uma comissão composta por representantes das quatro secretarias envolvidas. Além disso, as despesas para realização dos jogos ficarão por conta de recursos próprios dos orçamentos das quatro pastas.

O objetivo é promover, por meio da prática desportiva, a integração e o intercâmbio dos alunos, a fim de ampliar as oportunidades de socialização e aquisição de hábitos saudáveis, e descobrir novos talentos representativos do esporte.

As inscrições para a etapa da rede pública estadual e profissionalizante começam ainda neste mês. Para a categoria mirim (voltada a estudantes com idades entre 13 e 14 anos) as escolas poderão se cadastrar entre os dias 23 e 28 deste mês. Para a categoria infantil (para alunos de 15 a 17 anos de idade), as inscrições serão de 1º a 12 de abril. Para as categorias pré-mirim (até 12 anos de idade) e juvenil (para competidores com 17 ou 18 anos de idade) o cadastro será de 19 a 30 de agosto.

            Mais informações a respeito dos períodos de inscrições e das datas de competições poderão ser consultadas em resolução e regulamento a serem publicados no Diário Oficial nos próximos dias. Novidades sobre os Jogos Escolares do Estado de São Paulo podem ser acompanhadas por meio do Portal da Educação (www.educacao.sp.gov.br).