terça-feira, 17/12/2013
Pais e Alunos

Investimento em obras possibilita ampliação de número de vagas em escolas em 2013

Educação investiu R$ 688 milhões para realização de 1.959 obras escolares em todo o Estado de SP

De janeiro a novembro deste ano, 1.959 obras escolares foram realizadas em todo o Estado de São Paulo. O investimento, no valor de R$ 688 milhões, resultou em obras de melhorias para ampliar a qualidade da infraestrutura dos prédios das escolas estaduais e o desenvolvimento das atividades pedagógicas, além da expansão do número de vagas na rede estadual de ensino.

As intervenções realizadas por meio da Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE) – órgão responsável pelas obras da Secretaria – atendem ao plano de expansão previsto pela Pasta. No total, foram 12 novas escolas entregues em todo o Estado, com capacidade para atender mais 12.495 alunos. As novas unidades contam com quadras poliesportivas cobertas, salas de informática, refeitório, banheiros adaptados e outros itens que oferecem acessibilidade aos estudantes.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

Além das novas obras, os serviços realizados ao longo do ano também contemplaram reformas gerais, como construções novas, ampliações, reparos, restauração da rede elétrica, pintura, adequação para novo modelo de ensino integral, cobertura de quadras e restauros. Também foram realizados serviços de adaptação de salas de informática para expansão do Acessa Escola, programa pioneiro de inclusão digital da rede estadual de ensino.

“A ampliação da rede estadual de ensino e as melhorias ao ambiente escolar fazem parte da política da nossa gestão para aprimorar o acesso da população à educação e também trazer mais qualidade ao ambiente escolar, fundamentais para o processo de ensino”, afirma o secretário da Educação, professor Herman Voorwald.

Obras em 2014

Outras 43 construções de novos prédios escolares estão em andamento e serão entregues até o primeiro semestre de 2014 com mais 44 mil novas vagas. Também estão sendo realizadas 108 obras de adequação de escola para o novo modelo de ensino integral, com investimento no valor de R$ 53 milhões. A partir de 2014, o modelo estará presente em 181 escolas do Estado.