sexta-feira, 07/12/2012
Últimas Notícias

Último dia para se inscrever em Programa de Estágio no Japão

Os interessados em realizar um intercâmbio no Japão têm até hoje, 7 de dezembro, para se inscreverem no Programa de Estágio em Toyama. Voltada aos professores e funcionários de escolas estaduais do Estado, a ação levará um docente ou gestor educacional brasileiro ao Japão por seis meses, em meados de 2013. Ingressantes PEB II já […]

20121205_intercambio_620

Os interessados em realizar um intercâmbio no Japão têm até hoje, 7 de dezembro, para se inscreverem no Programa de Estágio em Toyama. Voltada aos professores e funcionários de escolas estaduais do Estado, a ação levará um docente ou gestor educacional brasileiro ao Japão por seis meses, em meados de 2013.

Ingressantes PEB II já podem conferir gabarito da prova do Curso de Formação

Podem se inscrever funcionários da Secretaria da Educação, professores ou gestores de escolas estaduais do Estado de São Paulo, com experiência no Ensino Fundamental, Médio ou equivalente, maiores de 22 anos e com domínio da língua japonesa equivalente ao nível N2 ou 2 do exame de proficiência Nihongô Noryoku Shiken. 

Os interessados em participar do processo seletivo deverão entrar em contato com a Coordenadoria de Gestão da Educação Básica (CGEB), por meio do telefone (11) 3866-0645 ou com a Assessoria de Relações Internacionais, por meio do número (11) 3218-3465.

Aulas na rede estadual de ensino serão finalizadas até 21 de dezembro

O segundo passo é preencher uma ficha de inscrição que deverá ser enviada por e-mail e devolvida juntamente com o currículo, cópia de documento que comprove o nível de proficiência em língua japonesa, cópia de diploma ou certificado de conclusão do curso de graduação ou pós-graduação. Após análise dos documentos, haverá entrevistas com os pré-selecionados.

Programa

A província de Toyama mantém uma parceria com a Secretaria da Educação de São Paulo desde 2009 por meio do “Programa de Estágio para Promoção da Convivência Multicultural”, pelo qual um educador é escolhido por ano. Os selecionados passam um semestre no Japão, com todas as despesas custeadas pela província. Ao retornar para o Brasil, o intercambista tem a missão de compartilhar as experiências obtidas durante a viagem.