segunda-feira, 04/06/2018
Notícia

Luis Sobral toma posse do cargo de presidente da FDE

A cerimônia aconteceu no teatro Fernando de Azevedo, na Secretaria da Educação

Aconteceu nesta segunda-feira (4), a cerimônia de posse do novo presidente da Fundação Para o Desenvolvimento da Educação – FDE, Luis Sobral.  A solenidade ocorreu, no teatro Fernando de Azevedo, localizado na sede da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo. O novo presidente foi diretor executivo da APAA – Associação Paulista dos Amigos da Arte.

Sobral começou seu discurso lembrando a todos o significado da palavra ‘lealdade’. Segundo o dicionário, o substantivo feminino carrega a mensagem de ‘respeito aos princípios e regras que norteiam a honra e a probidade’, bem como a ‘fidelidade aos compromissos assumidos’.

“Na FDE, esperem a dedicação, a competência, com a experiência acumulada, em promover os meios necessários para a educação de mais de 3 milhões de jovens, onde a cada ano, cerca de, 600 mil atingem a maioridade e devem estar prontos para enfrentar suas vidas, constituírem suas famílias, buscarem seus empregos e renda com dignidade”, disse Luis Sobral. “Contem com meus maiores esforços para fazer de tudo para melhorar a sociedade paulista. Contem com a minha gratidão e a minha lealdade”, encerrou o presidente da Fundação para o Desenvolvimento da Educação.

“A escolha do governador Márcio França em tê-lo à frente da Fundação não é por acaso. É importante que a gente tenha a clareza de que a cultura e a educação são fundamentais para a transformação que a gente espera. E a presença do Sobral aqui é um sinal de que isso vai acontecer”, disse o Secretário de Estado da Educação, João Cury.

Ele enfatizou ainda que a Secretaria da Educação deve enxergar a FDE como sua mais importante e estratégica parceira, na execução dos seus objetivos. “O Sobral é a pessoa certa, no local certo e na hora certa”, concluiu João Cury.

A professora Cleide Bochixio, secretária adjunta da Educação, está certa de que a tarefa da FDE não é algo fácil. “Mas, com a nossa união, com a nossa força, a nossa disposição de acertar e fazer da Educação aquilo que o nosso Secretário vem fazendo, tenho certeza que faremos muito até o final desse projeto”, enfatiza.

Estiveram presentes diversas autoridades, entre deputados federais, estaduais, secretários de Estado e municipais e prefeitos de algumas cidades do interior paulista. Na ocasião, Felipe Sartori Sigollo, secretário Executivo Adjunto do MEC, que representou o Ministro da Educação Rossieli Soares da Silva, afirmou que o Estado de São Paulo já saiu na frente na implantação da reforma do Ensino Médio, da Base Nacional Comum Curricular e em apoio a diversos projetos do MEC. Segundo ele, Luis Sobral tem a oportunidade de, na FDE, “deixar uma marca, uma boa contribuição com o João Cury”.

Felipe Sigollo ainda aproveitou para parabenizar a decisão do governador Marcio França por ter escolhido João Cury e Luis Sobral para reforçarem o time da Educação. “E eu tenho certeza que eles vão fazer muito pela pasta. E nós, do Ministério da Educação, vamos apoiar e vamos, juntos, conseguir melhorar cada vez mais a educação pública”, afirma Sigollo.