quinta-feira, 11/04/2013
Ler e Escrever

Mais de um milhão de livros didáticos são distribuídos pela Educação e FDE

Com investimento de R$ 8,5 milhões, ação contemplou rede estadual e 385 escolas municipais

Escolas estaduais e municipais da capital e cidades da Região Metropolitana de São Paulo receberam cerca de 1.034.446 livros didáticos da Secretaria da Educação em conjunto com a Fundação de Desenvolvimento da Educação (FDE).

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

A ação faz parte do programa Ler e Escrever e beneficiou 1,5 milhão de alunos com a iniciativa. No total, foram empregados R$ 8,5 milhões na produção e remessa desses materiais. O conteúdo é voltado a estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental e professores que obterão apoio para o planejamento das aulas.

Na rede estadual, 1787 escolas foram atendidas. Totalizando um investimento de 5,4 milhões. As 385 unidades municipais contempladas pelo Programa de Integração Estado e Município, receberam 1,4 milhão de livros. Contabilizando R$ 3,1 milhões empregados. Outras 46 cidades serão incluídas no programa e vão receber os exemplares, até o final deste mês.

Sobre o Ler e Escrever

O programa Ler e Escrever é mais um conjunto de ações governamentais que visam disponibilizar conhecimento e informação para os alunos da Rede Pública de Ensino do Estado de São Paulo. Voltado para os primeiros anos da educação básica, seu foco é a leitura e escrita dos alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental.

Desde 2007, quando foi implantado na rede estadual, o nível de crianças alfabetizadas até o 3º ano do Ensino Fundamental subiu em sete pontos. Em 2011, o percentual alcançou 95%, conforme a avaliação do Saresp.

 arte_ler_e_escrever_850_850