segunda-feira, 24/07/2017
Agenda do secretário

Nalini entrega mais uma Creche Escola na região Metropolitana

Com investimento de R$ 1,6 milhão, o prédio pode atender até 150 crianças no município de Guararema

Mais uma unidade do Programa Creche Escola foi entregue no último sábado (22). O novo prédio de Educação Infantil vai atender crianças de 0 a 3 anos, no município de Guararema, na região Metropolitana de São Paulo. A construção do equipamento foi possível graças à parceria entre a Secretaria da Educação do Estado e a prefeitura local.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

Para a realização do projeto foi investido mais de R$ 1,6 milhão. A EMEI Regina Celi Rudge Perotti possui salas pedagógicas, berçários com fraldário e lactário, secretaria, refeitório, banheiros e área de serviço. A capacidade é para 150 estudantes. O local também respeita todas as normas de segurança e de acessibilidade.

No convênio assinado, a Secretaria é responsável pelo repasse dos valores financeiros e do processo de acompanhamento das obras. Já as prefeituras, em contrapartida, devem apresentar o terreno, realizar a licitação e condução dos serviços. Com o projeto, o governo estadual espera expandir o atendimento de alunos dessa faixa etária, prioritariamente, em localidades com maior vulnerabilidade social.

Desde a sua implantação, em 2011, foram concluídas 246 unidades dentro do Programa Creche Escola e outras 289 estão em execução. Somente na região Metropolitana foram concluídas 7 unidades, com investimentos de R$ 9,7 milhões – gerando 910 vagas -, e outras 5 unidades estão sendo construídas com a previsão de 650 novas vagas.

Investimento no Ensino Fundamental e Médio

Além da atenção especial à Educação Infantil, a Secretaria da Educação mantém em funcionamento na região Metropolitana uma rede com 1,1 mil escolas e 921 mil alunos de Ensino Fundamental e Ensino Médio. Das 1,1 mil unidades, 77 adotam o modelo de tempo integral e oferecem uma grade horária superior a sete horas por dia. Os estudantes também têm acesso a 28 Centros de Estudos de Línguas, com aulas gratuitas de idiomas.