quinta-feira, 15/12/2005
Últimas Notícias

Nervos à “flor da pele” na reta final da Olimpíada de Língua Portuguesa

Olhos apreensivos…expressão tensa. Assim estavam os alunos antes de subir ao palco hoje na grande final da Olimpíada de Língua Portuguesa da categoria Cora Coralina, na Sede da Secretaria de Estado da Educação na Praça da República em São Paulo. Cerca de 500 pessoas lotaram o auditório do Teatro Fernando de Azevedo para prestigiar as […]

Olhos apreensivos…expressão tensa. Assim estavam os alunos antes de subir ao palco hoje na grande final da Olimpíada de Língua Portuguesa da categoria Cora Coralina, na Sede da Secretaria de Estado da Educação na Praça da República em São Paulo. Cerca de 500 pessoas lotaram o auditório do Teatro Fernando de Azevedo para prestigiar as 11 equipes participantes deste Jogo do conhecimento.

 

 

 

 

 

Todos estavam confiantes e ansiosos em sair com a vitória. “Só por estarmos aqui já somos vencedores. O que falta agora é sermos os Campeões”, diz a professora Marisa Gianini da diretoria de Ensino de Limeira. Sonia Silvia, da Coordenadoria de Estudos e Normas Pedagógica (CENP) ressaltou a importância da língua portuguesa, da leitura e também da comunicação.

 

 

 

 

 

A primeira etapa acabou às 13h e teve 3 fases classificatórias: 8 de 11 equipes foram selecionadas para disputar a segunda etapa que começou às 14h. Uma das equipes já classificada, a da diretoria de Ensino de São Jose dos Campos, comemorou e afirmou que valeu os esforços nos estudos e que esperam ser recompensados.

A Olimpíada

O projeto é uma parceria entre a Secretaria de Estado da Educação, Fundação Roberto Marinho, Academia Brasileira de Letras e Academia Paulista de Letras. É dividido em categorias que homenageiam dois ícones de nossa Literatura: Cora Coralina e Cecília Meirelles. Na categoria Cora Coralina, os alunos das primeiras e segundas séries do Ensino Médio competem na modalidade jogos. Os alunos das terceiras séries do Ensino Médio participam na categoria Cecília Meirelles produzindo crônicas sobre temas como Língua e Auto-Estima, Língua e Cidadania.

Premiação

A equipe vencedora será premiada com uma viagem a Portugal, acompanhada pelo professor de Língua Portuguesa que orientou o grupo durante a Olimpíada. Eles levarão pra casa ainda um computador, um acervo de livros de Literatura e um diploma honorífico. Os prêmios serão patrocinados por parcerias que estão sendo estabelecidas pela Fundação Roberto Marinho.

Ronaldo Tenório