terça-feira, 05/02/2019
Ensino Fundamental

Dicas de um aluno nota mil na redação do Enem

Fabricio Vitorino da Silva, da escola Professor Marciano de Toledo Piza, ficou entre os 55 estudantes que alcançaram a nota máxima

Aluno tirou nota mil na redação do Enem

Ser bem informado, praticar a leitura e escrita, são alguns dos segredos do aluno nota mil na redação do Enem 2019. Fabricio Vitorino da Silva, da escola Professor Marciano de Toledo Piza, ficou entre os 55 estudantes que alcançaram a nota máxima.

O jovem de 18 anos, do município de Rio Claro, ficou também em 3º lugar entre os aprovados para cursar medicina em uma universidade federal de Minas Gerais.

E para alcançar esses objetivos, Fabricio Silva criou uma rotina de horas de estudo. “Eu assistia às aulas, descansava uma hora e voltava a estudar fazendo resumos das aulas do dia. No outro dia, eu acordava entre 7h e 7h30, e já fazia mais resumos e exercícios até 12h. Dava uma pausa para o almoço e voltava para mais exercícios”, explica.

Para a professora de língua portuguesa, Marcia Imamura, não existe apenas um método de estudo. Cada aluno precisa descobrir o seu estilo. “No caso do Fabricio, ele descobriu um jeito muito particular de estudar. Cada um tem que buscar o seu jeito. Tem gente que gosta de estudar sozinho, em grupo ou em dupla. E ter também um propósito e estudar para conquistar esse objetivo”, disse.

O aluno Fabricio compartilhou algumas dicas valiosas que podem ajudar os estudantes da rede estadual de ensino que pretendem prestar a próxima edição do Enem ou provas de vestibulares.

1 – Estude gramática e ortografia, pois, para produzir uma boa redação e atender ao que se pede na competência 1 da correção do ENEM é necessário ter um excelente domínio da norma culta da língua portuguesa.

2 – Experimente diversos modelos de redação e, com a experiência adquirida, crie um modelo próprio ou siga aquele com o qual você melhor se adaptou. A partir deste momento, escreva somente usando um único modelo e maximize a sua maneira de escrever assim.

3 – Procure alguém capacitado para corrigir as suas redações de treino, de preferência alguém que conheça a forma de avaliação do ENEM. Peça para que essa pessoa lhe fale onde você deve melhorar.

4 – Anote em um caderno ou agenda os pontos de melhoria. Exemplo: se você utiliza em excesso o pronome relativo “que”, escreva em algum lugar: “usar o que em menor quantidade”.

5 – Sempre quando for produzir uma redação, não se esqueça de abrir o caderninho de anotações dos pontos de melhoria e verificar se está cumprindo com tudo.

6 – Monte um quadro de conectivos para usar sempre que possível. Dessa forma, o seu vocabulário melhorará cada vez mais, assim como a sua redação, pois esta ficará mais fluida e terá a leitura facilitada.

7 – O estudo das áreas de humanas (geografia, história, filosofia e sociologia, principalmente) será muito útil para demonstrar conhecimento sócio-cultural (competência 2). Por isso, é importante ter um bom domínio dessas áreas.

8 – Mantenha-se atualizado! É importante estar a par de tudo o que está acontecendo de importante no Brasil e no mundo. Acompanhe também as mudanças que eventualmente podem ocorrer no ENEM.