terça-feira, 03/12/2019
Inova Educação

Retrospectiva: eletivas ajudam estudantes a se conectar com a escola e melhoram a aprendizagem

Expansão das eletivas faz parte do Inova Educação, lançado a partir de 2020 na Educação

Lançado em junho deste ano, o Inova Educação irá mudar a escola e a vida de professores e alunos a partir do ano que vem.

Trata-se de um modelo pedagógico pioneiro que vai conectar as escolas à realidade dos estudantes do século 21 e será ofertado a partir de 2020 a todos os dois milhões de estudantes matriculados nos anos finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio na rede estadual de São Paulo. A principal mudança do Inova Educação é a introdução de eletivas dentro do calendário escolar.

Eletivas são novas matérias, mas com assuntos diversificados e com o intuito de conectar o jovem com a escola e com o mundo que o cerca. “As disciplinas eletivas possibilitam que os alunos vivenciem na prática o que eles aprenderam na teoria e, para eles, essas aulas de experimentação são mais atraentes”, revela Paulo Rosa de Melo, professor coordenador da Escola Estadual Ryoiti Yassuda, em Pindamonhangaba.

No Inova Educação serão três tipos de componentes: Projeto de Vida, Tecnologia e Eletivas. As Eletivas serão escolhidas pelos estudantes, conforme as possibilidades oferecidas pela escola. O novo programa coloca os estudantes no centro do processo de aprendizagem, promovendo seu engajamento e protagonismo.

“A eletiva tem esse caráter de ser um espaço diferente dentro da própria escola, para o aluno se aproximar de assuntos que ele gosta mais ou de matérias que estejam associadas ao projeto de vida dele”, comenta Elder Clementino, professor de Física e da eletiva de Astronomia.

No componente Projeto de Vida, a discussão é mais ampla. Os estudantes farão discussões sobre sonhos, projetos, mundo do trabalho, vida acadêmica etc. Essas conversas serão conduzidas a partir das respostas para perguntas como: Quem sou eu? Quem eu quero ser quando crescer? O que eu preciso fazer para chegar lá? “O componente de projeto de vida também é um espaço para o desenvolvimento das competências socioemocionais, que tem um papel fundamental para a aprendizagem nas disciplinas tradicionais, como Língua Portuguesa e Matemática, assim como para a empregabilidade futura dos estudantes”, cita Viviane Senna, presidente do Instituto Ayrton Senna.

Além de atrair a atenção dos estudantes, as disciplinas eletivas trazem outros benefícios para o funcionamento da escola. A sensação de pertencimento ao ambiente escolar está entre os pontos positivos destacados pelo aluno Leandro Torres, que cursa a 1ª série do Ensino Médio na unidade. “É um modo do aluno se encaixar em algo que é proposto pela escola. Além disso, é uma liberdade que nos dão, que é um marco deste modelo de escola”, conclui animado.