quarta-feira, 18/01/2017
Boas Práticas

Coletivo de fotografia ensina alunos de escola de SP a criar lambe-lambes

Projeto Photo Truck apresenta a estudantes técnicas da fotografia em curso rápido

Durantes dois dias, os alunos da E.E Oswaldo Aranha participaram de um curso de introdução à fotografia. A ação faz parte do projeto Photo Truck, do coletivo ImageMagica em parceria com a unidade. Profissionais da fotografia ensinaram aos estudantes técnicas como enquadramento, foco e velocidade. As imagens registradas no curso foram reunidas em formato lambe-lambe (cartazes grudados com cola em postes e paredes) em exposição na própria escola.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

“É uma ferramenta pedagógica. A gente leva a fotografia para fazer os alunos observarem, olharem melhor para o ambiente onde eles vivem. O intuito é realmente esse, olhar para esse ambiente que eles estão todo dia. E a gente dedica esse tempo, dessa oficina, para eles olharem dessa maneira”, disse o educador fotográfico da ImageMagica, Levi Fanan.

Para garantir boas fotos, o caminhão é equipado de câmeras e lentes. Nesse laboratório itinerante, os alunos também podem testar brinquedos óticos, posar para a clássica cabine que imprime três pequenas fotos na hora e assistir vídeos com dicas. Neste ano, o tema é o ‘sono’. Por isso, será exibida uma pequena história sobre o imperador Dom Pedro II, que sofria de apneia do sono e muitas vezes foi flagrado dormindo nos eventos.

“É muito interessante isso, que leva os alunos a uma reflexão até do modo de vida deles, do olhar, do pensar, do dormir. Então, eles vão desenvolvendo valores. Quando a gente observa as frases que eles escreveram, você vê que o projeto de ensino integral está incorporado na vida do aluno já”, disse Adriana Martins, professora coordenadora da escola.

Projeto vai às aulas há 20 anos

Criado pelo fotógrafo André François, o projeto há 20 anos leva a escolas públicas oficinas de fotografia para incentivar jovens a refletir e produzir imagens sobre temas importantes. Neste ano, a novidade é que as formações serão itinerantes com um caminhão equipado.