sexta-feira, 14/06/2019
Notícia

Continuam abertas as inscrições para o Novotec

Inscrições para a modalidade virtual estão abertas até dia 16 de junho

O Novotec, programa de cursos rápidos e gratuitos de qualificação profissional para estudantes do Ensino Médio da rede pública de São Paulo, continua com inscrições abertas em diversas modalidades. Ao todo são mais de 26 mil vagas em duas modalidades: Novotec Expresso, em formato presencial, e Novotec Virtual, no modelo de educação a distância (EaD).

Faça sua inscrição aqui

Novotec expresso e Novotec virtual

O Novotec tem duas categorias: o Novotec presencial e o Novotec virtual.

O primeiro terá cursos com carga horária de 200 horas/aula e atividades ministradas em escolas da Secretaria da Educação, Escolas Técnicas (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs) estaduais, espalhadas por mais de 120 municípios. As inscrições para essa modalidade estão abertas até o próximo domingo, dia 16 de junho.

Os cursos oferecidos pelo Novotec Expresso são Ajudante de Atividades de Laboratório Químico, Auxiliar de Logística, Auxiliar em Organização de Dados, Computação na Nuvem, Criação de Sites e Plataformas Digitais, Desenvolvimento de Jogos Digitais, Edição de Vídeos, Excel Aplicado à Área Administrativa, Gestão de Pequenos Negócios, Horticultor Orgânico, Montagem e Manutenção de Computadores, Práticas de Gestão de Pessoas, Programação Básica para Android, Segurança Cibernética Básica, Técnicas de Vendas e Video Maker/Youtuber.

Já as inscrições para o Novotec Virtual estarão abertas no período de 24 de junho a 7 de julho. Nessa modalidade, os cursos contam com carga horária de 400 horas e utilizam a estrutura de ensino a distância da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), com conteúdo do CPS.

Objetivo é fortalecer a formação do jovem após a escola

O objetivo do programa é oferecer educação técnica de qualidade e antenada com novas profissões e necessidades do jovem, como cursos voltados para a internet e gestão de pessoas, como explica o secretário Rossieli Soares. “Educação técnica sempre foi um dos pilaras de discussão a ser oferecido no Ensino Médio. Essa parceria da rede estadual com o Centro Paula Souza também ajudará a formar os nossos professores e a discussão do novo Currículo”, declarou.

O critério de seleção priorizará a igualdade de gênero nas turmas e estudantes matriculados em escolas que ficam a menos de dois quilômetros do local do curso. Também serão consideradas condições de vulnerabilidade social. “É fundamental ampliarmos a oportunidade do jovem no mundo do trabalho. Esse projeto também representa o protagonismo de São Paulo na implementação do novo modelo do Ensino Médio no país”, explica Laura Laganá, diretora-superintendente do Centro Paula Souza.