sexta-feira, 15/02/2019
Destaque

Secretário da Educação prestigia Dia D contra a dengue

Escolas em todo o Estado se mobilizaram com ações de conscientização contra o Aedes aegypti

Nesta sexta-feira (15), mais de 5 mil escolas estaduais de São Paulo participaram do Dia D contra a dengue. A E. E. Prof. Milton da Silva Rodrigues, na zona norte da capital, recebeu o Secretário Estadual da Educação, Rossieli Soares da Silva e o Secretário de Estado da Saúde, Dr. José Henrique Germann Ferreira, que acompanharam a mobilização dos alunos contra o Aedes aegypti.

Para conscientizar sobre a importância do combate à dengue, a escola promoveu uma semana de atividades sobre o tema, que envolveu todos os alunos na elaboração de projetos, como paródias sobre a eliminação do mosquito, encenações e brincadeiras que, por meio do lúdico, contribuíram para que os estudantes pudessem assimilar a importância do combate. Parte dessas atividades foi exibida durante a visita dos secretários à escola, que aconteceu nesta tarde.

“Isso daqui é um pouquinho do que a educação é capaz de fazer. As crianças e os jovens têm um poder transformador dentro da sociedade e é por meio da educação que nós vamos potencializar o combate a essa maldição que é a dengue, que tem tirado vidas e provocado sofrimento a muitas famílias”, disse o Secretário Estadual da Educação, Rossieli Soares da Silva.

De acordo com o Diretor da Divisão de Resposta da Defesa Civil, Major PM Marcelo Vieira dos Santos, é por essa razão que a defesa civil participa junto com as divisões de saúde, educação e meio ambiente no combate às doenças provocadas pelo inseto.

“Todos nossos agentes estão envolvidos no combate ao mosquito da dengue nos 645 municípios, trabalhando junto com a educação e com a saúde para mobilizar a comunidade. Nós passamos o conhecimento, mas os alunos têm que levar isso para casa e mobilizar os familiares. O governo está presente, mas cada um tem que fazer a sua parte”, complementou o Major.

Osmar Carvalho, diretor da Escola Milton, como a instituição é carinhosamente chamada, comemorou os cinco dias de mobilização contra a dengue.

“Essa foi uma semana de muitas ações, e o trabalho todo só deu certo porque os alunos e professores se dedicaram. Hoje, nesse Dia D, a mensagem é que a educação não é só em casa. A escola pública pode, sim, ajudar a traçar caminhos, a combater doenças, problemas que têm na sociedade”, disse.

O Secretário de Estado da Saúde, Dr. José Henrique Germann Ferreira agradeceu aos alunos por toda a mobilização e parabenizou o comprometimento com a campanha. “Vim aqui para agradecer a forma com que os alunos compraram a ideia, pois é principalmente uma questão educativa para eles e suas famílias”, explicou.

Só no mês de janeiro, foram confirmados 4.595 casos de dengue no Estado de São Paulo, sendo que dez cidades concentram 77,4% das ocorrências. Andradina, Bauru, Araraquara, São José do Rio Preto, Barretos, São Joaquim da Barra, Agudos, Palestina, São Paulo e Ribeirão Preto são os municípios mais afetados pela doença.