sexta-feira, 05/07/2019
Inova Educação

Oficina na Educação busca construir perfil de professores do Século XXI

Trabalho teve como objetivo a discussão e construção inicial dos perfis de professores para o Inova Educação

A manhã desta quarta-feira (03) foi marcada pelo início de uma nova etapa de trabalho do programa Inova Educação. Com coordenação de Anna Penido, presidente do Instituto Inspirare, uma oficina técnica para a construção dos perfis dos professores que atuarão nas escolas com os componentes Tecnologia, Projeto de Vida e Tecnologia.

O trabalho teve como objetivo a discussão e construção inicial dos perfis, a fim de garantir que as habilidades sejam trabalhadas plenamente nas escolas, engajando os professores e gerando aprendizagem nos alunos.

“A gente já conhecia um pouco desse professor que a gente estava buscando e colocar tudo no papel deu mais clareza para o grupo”, explica Naomy Oliveira, assessora técnica da Secretaria de Educação e membro o Grupo de Trabalho do componente Eletivas. Para ela, o encontro ajudou pela troca de informação e materialização das expectativas da rede.

Durante o encontro, os técnicos foram instigados a pensar nos perfis desejáveis para cada um dos três componentes do Inova (Tecnologia, Projeto de Vida e Tecnologia). Os participantes foram divididos em três grupos, cada um para cada novo componente do programa. Foram considerados pontos iniciais para definição dos perfis conhecimento prévio e habilidades. No caso do componente Eletivas, domínio de temas contemporâneos e interdisciplinaridade foram consideradas habilidades imprescindíveis.

“A ideia é saber o que se espera desse professor e da relação dele de acordo com o perfil de cada componente, além de apoiar a equipe gestora das escolas, que é fundamental”, complementa Caetano Siqueira, coordenador da COPED.

Ao longo do mês de julho, outros encontros serão realizados para refinar o trabalho.