quarta-feira, 27/06/2018
Ensino Fundamental

PEI comemora sucesso das atividades do 1º semestre

EE Milton da Silva Rodrigues promove culminância dos Clubes Juvenis e Eletivas

Na última terça-feira (26), foi realizada a culminância dos trabalhos desenvolvidos na escola estadual Milton da Silva Rodrigues. O Ensino Integral tem como principal objetivo a formação de jovens autônomos, competentes e solidários. Tendo em vista a manifesta complexidade deste objetivo, o PEI dispõe de diversos mecanismos para auxiliar na sua consecução, com destaque para o protagonismo juvenil. Entre eles, estão os Clubes Juvenis e as Disciplinas Eletivas.

“Eu gostei da culminância, que mostrou o que eu e meus amigos desenvolvemos nas eletivas durante o semestre inteiro. E isso dá outra visão aos alunos sobre a escola. Participei da eletiva de Nutrição, que mudou muito minha vida. Entendi que não se trata apenas de fazer dieta, mas regular o que pode comer em maior ou menor quantidades, o que acaba favorecendo nosso corpo que está em fase de crescimento”, avisa o aluno Augusto Pavani Zilotti de Souza.

Augusto era também o líder do clube juvenil de xadrez. “Lá a gente desenvolve o raciocínio lógico e como aplicar isso no dia a dia. E assim a gente acaba tendo mais facilidade na aprendizagem”, entende o aplicado estudante.

Os Clubes Juvenis são espaços destinados à prática do Protagonismo Juvenil, principalmente quanto à autonomia e à capacidade de organização e gestão. São criados a partir do interesse dos estudantes, havendo, porém, a ressalva de que eles devam sempre atender a exigências de relevância para a formação escolar. Para que um Clube Juvenil possa ser formado é preciso que os alunos interessados proponham uma forma de organização para o clube e metas a serem atingidas.

“No modelo de ensino integral, os Clubes são orientados pela direção da escola. Geralmente, o diretor ou a diretora realizam reuniões semanais ou quinzenais com os líderes dos Clubes, fortalecendo assim as ações prepostas pelos mesmos. Na Milton da Silva Rodrigues, os Clubes Juvenis acontecem todas as quintas-feiras, das 13h20 às 15h00’, conta Osmar Francisco de Carvalho, diretor da unidade.

Já as Disciplinas Eletivas são um dos componentes da Parte Diversificada, e devem promover o enriquecimento, a ampliação e a diversificação de conteúdos, temas ou áreas do Núcleo Comum. Considera a interdisciplinaridade enquanto eixo metodológico para buscar a relação entre os temas explorados, respeitando as especificidades das distintas áreas de conhecimento.

A professora de Educação Física, Kelly Godói, ministrou o curso de Linguagens Artísticas Contemporâneas, onde foram desenvolvidos trabalhos de percussão corporal, consciência corporal, anatomia humana, musicalidade e interpretação, tudo voltado para o conhecimento cênico. “E esse curso foi realizado com uma grande culminância, que foi a apresentação de um espetáculo. E eu me realizo, pois na eletiva a gente consegue desenvolver trabalhos magníficos. E assim a gente consegue colaborar com o protagonismo sênior e o protagonismo juvenil, que são dois pilares do Programa de Ensino Integral”, avalia.

“E o legal das eletivas é que a gente passa a se importar com o nosso futuro. Nesse semestre fiz a de Empreendedorismo do Futuro. O tema do semestre foi reciclagem, e a gente conseguiu desenvolver ótimos projetos”, elucida Glauco Adriel Decencio Coelho.

“As aulas são desenvolvidas semestralmente por dois professores de disciplinas diferentes. Os educadores apresentam em “workshop” projetos motivadores, e os alunos escolhem um projeto por semestre, até se formarem! O PCG – Professor Coordenador Geral é o responsável em orientar os professores em relação a cada projeto. Na escola Milton, as Disciplinas Eletivas acontecem todas as terças-feiras, das 10h20 às 12h00”, explica Osmar.

Pablo Augusto Barranjard escolheu fazer a eletiva de Linguagens Artísticas Contemporâneas, além do Clube Juvenil de Voleibol. O aprendiz afirma que a experiência de dois professores na sala só ajuda o aluno a se desenvolver melhor. “Às vezes, um está ocupado, aí você pode chamar o outro, que vai te explicar e tirar suas dúvidas. Se um é de exatas e o outro é de humanas, você tira as dúvidas com o especialista. E a gente interage bastante com os professores, pois a aula é totalmente aberta aos alunos”, explica Pablo.