quarta-feira, 07/01/2015
Professores e Funcionários

Professores da rede estadual recebem um terço das férias no dia 15 de janeiro

Política salarial do Estado de SP totalizou 45,1% de aumento nos últimos quatro anos

No próximo dia 15 de janeiro, professores da rede estadual de ensino vão receber o pagamento proporcional a 1/3 das férias (referente a 15 dias). O benefício será pago pela Secretaria da Educação do Estado de São Paulo a 138 mil docentes, todos que lecionam há mais de um ano na rede. O valor será disponibilizado em duas etapas e já está provisionado em extrato bancário. A próxima parcela será concedida em julho.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

O pagamento integra a política salarial da Secretaria, que estabeleceu um plano de carreira inédito para os servidores da educação. Nos últimos quatro anos houve um aumento salarial escalonado que totalizou 45,1% de reajuste no período. Atualmente, o salário de um professor que leciona 40 horas para os anos finais do Ensino Fundamental e para o Ensino Médio está em R$ 2.415,89. O valor é 25,9% superior ao piso nacional, que com a proposta de reajuste passou a ser de R$ 1.917,78.

O último reajuste concedido pela Educação paulista foi em agosto de 2014, para todos os servidores, incluindo os aposentados (490 mil pessoas). O aumento, concedido ao magistério e ao quadro de apoio escolar, foi mais um dos dispositivos da Secretaria que garantiu um salário maior a quem trabalha nas escolas estaduais.

“Os profissionais da Educação também podem conquistar reajuste salarial de 10,5% por meio da valorização pelo mérito ou por prática pedagógica e de 5% por meio de qualificações adquiridas durante a carreira. A nossa prioridade é valorizar cada vez mais os profissionais da Educação”, afirma o secretário da Educação do Estado, professor Herman Voorwald.

Para saber mais, acesse a intranet da Educação