quinta-feira, 22/03/2018
Divulgação
Ensino Fundamental

Projeto democratiza o uniforme escolar entre alunos

Utilizando a técnica de silk screen, pais, professores e alunos se reúnem e estampam o logotipo da escola em camisetas brancas

 

Projeto democratiza o uniforme escolar entre os alunos da escola Arthur Guimarães, na capital paulista.  Pais, alunos e professores se reuniram para tornar o uniforme acessível para todas as crianças da unidade de ensino. Cerca de 700 camisetas brancas, trazidas por 200 pais e alunos, foram estampadas com o logotipo da escola. Eles utilizaram a técnica de silk screen, processo de impressão de texto ou gravura em uma superfície.

“Eu gostei muito muito. Eu amei porque foi feita pelos meus pais com a ajuda da diretora. Gostei da cor e do emblema, agora venho todos os dias de uniforme”, conta Vitória Pimenta de Luna, de oito ano, aluna do 3º ano.

O projeto denominado de “Democratizando o Uniforme Escolar” também aproximou os pais da comunidade escolar. “Acredito que é importante este vínculo, para aproximar pais e a escola (direção, professores e funcionários), numa vivência colaborativa, demonstrando o envolvimento e comprometimento familiar perante o aluno, reforçando a parceria família e escola”, disse Tereza Cristina Cardoso Varino, mãe de aluna.

Para a professora Ileni Maria da Silva, não foi mais uma atividade. O envolvimento dos pais na confecção das camisetas tem um valor simbólico para as crianças. “Quando a criança coloca a camiseta do uniforme para ir para escola se recorda do seu pai dedicando tempo para estampá-la. A participação da família na escola do seu filho é fundamental para o seu desenvolvimento pedagógico e essa ação foi um sucesso em relação ao número de pais que participaram e na satisfação que todos ficaram, pois os pais participaram mais ativamente da vida escolar dos seus filhos”, disse.

A ideia surgiu durante uma reunião e a equipe gestora decidiu expor ao Conselho de Escola a intenção de tornar o uniforme mais acessível aos alunos. “Os pais participaram em massa do nosso sábado letivo. Todos os pais sem exceção gostaram da ideia de uniformizar seus filhos, ficaram muito felizes pois o uniforme além de identificar o aluno é uma ótima economia para suas roupas”, disse a professora Agda Melani Polidoro.