quarta-feira, 11/04/2007
Últimas Notícias

Projeto desenvolvido por Escola Estadual de Santa Rita do Passa Quatro, no interior do Estado, é homenageado na Capital

Idéia, elaborada em parceria com a Polícia Ambiental por meio do Projeto Beija-Flor, é mostrar que a sociedade pode se desenvolver sem degradar o meio ambiente O Projeto Mananciais, elaborado e desenvolvido por alunos e professores da Escola Estadual Nelson Fernandes, em Santa Rita do Passa Quatro, interior de São Paulo, recebeu homenagem do Prêmio […]

Idéia, elaborada em parceria com a Polícia Ambiental por meio do Projeto Beija-Flor, é mostrar que a sociedade pode se desenvolver sem degradar o meio ambiente

O Projeto Mananciais, elaborado e desenvolvido por alunos e professores da Escola Estadual Nelson Fernandes, em Santa Rita do Passa Quatro, interior de São Paulo, recebeu homenagem do Prêmio Construindo a Nação oferecido pelo Instituto da Cidadania Brasil. A idéia, desenvolvida em parceria com a Polícia Ambiental por meio do Projeto Beija-Flor, é mostrar que a sociedade pode se desenvolver de forma sustentável, ou seja, sem degradar o meio ambiente. A cerimônia de premiação, dia 20 de março, reuniu representantes da escola e Policia Ambiental.

Sobre o projeto

Criado em 2002, O Projeto Mananciais nasceu do esforço dos professores – que motivaram os alunos – e da interação com a Policia Ambiental para reflorestar uma área de preservação permanente no Bairro Lagoinha, em Santa Rita do Passa Quatro. Passados cinco anos, o local que fica no entorno de uma nascente, já apresenta melhoria na qualidade e quantidade da água, além da presença de algumas aves e animais de pequeno porte que retornaram ao local por encontrar condições propícias de sobrevivência.

Outros prêmios

Em 2006 a Escola Estadual Nelson Fernandes foi premiada com o Projeto As Coisas Boas da Nossa Terra, servindo de incentivo para que os responsáveis pelo Projeto Mananciais divulgassem o trabalho, premiado este ano. “Além de estimular a prática da cidadania, o Prêmio Construindo a Nação vem contribuindo para o maior envolvimento e participação dos jovens nas escolas. Isso ajuda a melhorar o desempenho deles em um País onde as estatísticas do setor de educação preocupam muito”, destacou Paulo Saab, presidente do Instituto da Cidadania Brasil.

Celso Bandarra