quinta-feira, 27/03/2008
Últimas Notícias

Rede estadual adere à Provinha Brasil

Secretaria de Estado da Educação irá participar da avaliação de 2º ano do governo federal A Secretaria de Estado da Educação decidiu que irá participar da Provinha Brasil, avaliação federal realizada para a 2ª série do Ensino Fundamental. A pasta ainda verifica se em São Paulo o diagnóstico será por amostra ou em toda a […]

Secretaria de Estado da Educação irá participar da avaliação de 2º ano do governo federal

A Secretaria de Estado da Educação decidiu que irá participar da Provinha Brasil, avaliação federal realizada para a 2ª série do Ensino Fundamental. A pasta ainda verifica se em São Paulo o diagnóstico será por amostra ou em toda a rede.

São Paulo já tem sua avaliação, o Saresp, que inclui a 2ª série do Fundamental. A idéia é utilizar a Provinha Brasil, que pode ser realizada ao longo do ano, como um parâmetro de evolução. A Provinha é uma avaliação diagnóstica, ou seja, para uso das escolas e de seus profissionais.

Para receber a Provinha os Estados precisam aderir ao Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE). São Paulo já recebeu um kit da avaliação, com cópia da prova, carta com instruções e sugestões de aplicação, manual do aplicador, guia de correção, documento explicativo sobre as matrizes e escalas, e outro documento sobre o que fazer com os resultados dos testes. O material do kit foi testado em 2007, por cerca de 20 mil crianças de seis a oito anos, em 12 Estados da federação.

“É uma avaliação de 2ª série para o professor. Ele irá receber e corrigir a prova e ter um diagnóstico de cada aluno”, afirma a secretária de Estado da Educação, Maria Helena Guimarães de Castro.

O Saresp 2007, a avaliação de rendimento dos alunos da rede estadual paulista, apontou que 87,4% dos alunos atingiram as capacidades esperadas para a 2ª série. Ou seja, São Paulo está a quase 12 pontos de atingir sua meta de alfabetizar todos os estudantes com 8 anos de idade.