quarta-feira, 23/12/2020
Ensino Fundamental

Resultado de concurso de desenho mostra como jovens entendem a sustentabilidade

Exposição “Agenda 2030 e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável” está disponível no site do Acervo do Estado

O Governo do Estado de São Paulo divulgou no sábado (19) os 20 desenhos vencedores do Concurso de Desenho “Agenda 2030 e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável”. A exposição virtual está disponível em www.acervo.sp.gov.br.

Alunos dos anos finais do Ensino Fundamental (6º. ao 9º. anos) e do Ensino Médio da rede pública estadual foram convidados a participar do concurso para mostrar, por meio de desenhos realizados com diferentes técnicas, como eles entendem as cinco áreas dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável estabelecidas na Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU) – pessoas, planeta, paz, prosperidade e parcerias.

A iniciativa marca a comemoração dos 75 Anos da ONU e é fruto da parceria entre as Secretarias da Casa Civil, da Educação, de Governo e de Relações Internacionais. O Acervo Artístico-Cultural dos Palácios, vinculado à Secretaria de Governo, também participou da organização do concurso e realizou a exposição virtual com os trabalhos vencedores. O projeto teve o apoio da Representação da UNESCO no Brasil – Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura.

Comissões multidisciplinares formadas nas escolas e nas Diretorias de Ensino avaliaram os trabalhos inscritos e selecionaram 200 desenhos finalistas. Uma comissão julgadora integrada por servidores públicos representantes das Secretarias responsáveis pela organização do concurso e de consultoras do setor de Educação da UNESCO no Brasil, definiu os vencedores.

Os critérios de avaliação foram a pertinência em relação ao tema, criatividade e originalidade e qualidade plástica da produção artística, dentre outros. Todos os desenhos apresentados foram acompanhados por um texto explicativo sobre o conceito da criação.

Agenda 2030 no Currículo Paulista

A Agenda 2030 dialoga com todas as áreas de conhecimento e componentes curriculares do Currículo Paulista.

“Uma das competências trabalhadas nas escolas é a defesa de ideias que respeitem e promovam os direitos humanos, a consciência socioambiental e o consumo responsável. Os 17 ODS e os 5P´s da sustentabilidade tratam desses temas com uma linguagem universal e os alunos souberam traduzir esses conteúdos em seus desenhos”, explica Rossieli Soares da Silva, Secretário da Educação.

Ana Cristina Carvalho, Curadora do Acervo Artístico-Cultural dos Palácios do Governo, destacou a conscientização dos alunos da rede pública sobre os temas da Agenda 2030, como o enfrentamento da pobreza, da fome e a busca pela equidade. “Em cada desenho há uma descoberta de caminhos e muita esperança”, registrou.

Para a Coordenadora de Educação da UNESCO no Brasil, Rebeca Otero, o concurso contribui para o alcance da meta 4.7 do ODS 4 – Educação de Qualidade, que visa, até 2030, promover a educação para o desenvolvimento sustentável e estilos de vida sustentáveis, estabelecendo uma ponte com o conjunto dos ODS. “A UNESCO no Brasil reconhece que esta iniciativa do concurso está alinhada com os princípios da Educação para o Desenvolvimento Sustentável”, afirmou.

Compromisso do Governo de SP com o desenvolvimento sustentável

Para Julio Serson, Secretário de Relações Internacionais, a realização do concurso de desenho sobre a Agenda 2030 durante as comemorações dos 75 anos da ONU foi uma forma de registrar o reconhecimento do Governo de São Paulo ao trabalho da ONU e de reiterar o compromisso de São Paulo com a agenda global da sustentabilidade. “É através da educação e da cultura que contribuímos para a construção de um mundo cada vez mais inclusivo e sustentável”, afirmou Serson.

Em São Paulo, a Agenda 2030 e os 17 ODS integram o principal instrumento de planejamento das ações do Governo do Estado, o Plano Plurianual. “As políticas públicas em São Paulo são pensadas e implementadas para provocar impactos positivos nas esferas social, econômica e ambiental. Essa é a proposta do desenvolvimento sustentável”, explica Antonio Carlos Rizeque Malufe, Secretário Executivo da Casa Civil e presidente da Comissão Estadual de São Paulo para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Conheça a lista dos vencedores e trechos dos conceitos desenvolvidos pelos estudantes:

Tema: PESSOAS

Ensino Fundamental | Anos Finais

GEISIELE DE OLIVEIRA SOUZA

E. E. Sebastião Ferraz de Campos, Bragança Paulista

“Melhores condições de vida é o que todos esperam para um futuro próximo: moradia e comida no prato para todos”

LÚCIA MARIA REIS BRAGA

E. E. Gabriel Monteiro da Silva, Marília

“As minorias deixadas em branco pois ainda não conquistaram seu lugar de fala”

Ensino Médio

GABRIELA VITÓRIA DE OLIVEIRA GOMES

E. E. Prof. Antonio de Mello Cotrim, Piracicaba

“Este desenho apresenta um tom crítico com o modelo atual que vivemos do capitalismo, que gera tanta desigualdade social”

MATHEUS PEREIRA LUZ

E. E. Frederico Marciano, Ibiúna

“Alimentemos o planeta, não o nosso ego”

 

Tema: PLANETA

Ensino Fundamental | Anos Finais

CAROLINE TAMBORLIM ROSSI

E. E. Manoel Silveira Bueno, Borborema

“Um desenho a mão livre e um lápis de cor, algo simples, mas que nos mostra que simples atitudes também, podem fazer a diferença”

VINICIUS NUNES GONZAGA

E. E. Prof. Amalia Valentina M. Rino, Rinópolis

“Meu desenho mostra sobre como tratamos o nosso planeta, pegamos tudo o que queremos na hora que queremos”

Ensino Médio

GUIEDRA AYUMI ADAMI MOMO

E. E. Juvenal Giraldelli, Jales

“Em um cenário colorido, aberto e limpo as crianças trabalham juntas com consciência para o bem da natureza”

JOÃO PEDRO DE SOUZA SANTOS

E. E. Anísio José Moreira, Mirassol

“O desenho remete ao paradoxo entre o clima apocalíptico da degradação ambiental e do aquecimento global com a esperança do planeta Terra como rei na luta em defesa da sociedade sem desigualdade, meio ambiente mais preservado”

 

Tema: PAZ

Ensino Fundamental | Anos Finais

Maria Eduarda da Silva Oliveira

E. E. Profª. Darci Lopes, Jacareí

“Apenas quando a balança da justiça estiver equilibrada será possível viver num país justo e em paz”

THAIS MELO RIBEIRO

E. E. Olímpio Catão, São José dos Campos

“A obra quer que o expectador vá além dos limites que os problemas reais nos impõem e imagine um mundo onde todos juntos somos mais fortes”

Ensino Médio

VERÔNICA APARECIDA LOPES RODRIGUES

E. E. Renato Rocha Miranda, Campina do Monte Alegre

“Se desejamos um entendimento global, é necessário deixar para trás conceitos que nos dividem ou já nos dividiram”

ANDREI MURILO DOS SANTOS GAGO

E. E. Zilda Arns Neumann, São Paulo

“Enfrentar as diferenças através da diplomacia e promover  igualdade entre os povos faz parte de um dos grandes objetivos  do milênio”

 

Tema: PROSPERIDADE

Ensino Fundamental | Anos Finais

ISABELLA CELESTINA GOMES GARCIA

E. E. Profª. Neide Celestina de Oliveira, Embu-Guaçu

“Essa imagem, para mim, representa a união em família, e como aproveitam dos recursos que a natureza oferece”

GIOVANNA MORETTI DE SOUZA PEREIRA

E. E. Luiz Bianconi, Suzano

“Demonstrei como a natureza é bela e importante para todos”

Ensino Médio

LILLIAM PAIXÃO DA SILVA

E. E. Eurico Figueiredo, Jaçanã

“Harmonia naquilo em que você estiver focado e mais para frente você irá receber sua prosperidade”

GABRIELA FERNANDA SANT’ANA ALVES

E. E. Profª Altina Júlia de Oliveira, Mairinque

Temos que nos conscientizar, o futuro do planeta está na mão dos homens”

Tema: PARCERIAS

Ensino Fundamental | Anos Finais

MYGUEL RODRIGUES VERAS

E. E. Prof. Dathan Cervo, Indiaporã

“Embora existam pessoas sem racionalidade querendo destruir o planeta, existem outras pessoas boas reunidas com muito amor para salvá-lo”

MIRELA DA COSTA

E. E. Profª. Yolanda Sales Cabianca, Araras

“Para melhorarmos o mundo e vencermos a extinção, tanto dos animais quanto a nossa, precisamos nos unir”

Ensino Médio

LEILA CAROLINA CATELAN

E. E. Dr. Carlos Sampaio Filho, Penápolis

“Quero transmitir a mensagem de que com união somos capazes de proteger o bem comum”

GABRIELA DE FREITAS RIVAS                                                                  

PEI E. E. Carmen Miranda, Peruíbe

“A preferência por formas humanas é pelo fato de termos a capacidade de sentir empatia e o poder mudar o mundo”

 

VISITE A EXPOSIÇÃO VIRTUAL EM WWW.ACERVO.SP.GOV.BR