quarta-feira, 05/10/2016
Ensino Médio

São Paulo aumenta participação de escolas estaduais no Enem

Resultados divulgados pelo Inep apontam que o Estado ficou à frente da média nacional das escolas

Nesta terça-feira (4), foram divulgados os resultados oficiais do Enem 2015. A rede estadual de São Paulo aumentou a taxa de participação das escolas. Ao todo, 1.257 unidades participaram da avaliação em 2015 contra 1.162 no ano anterior, um crescimento de 8,1%.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

Outro destaque é o bom desempenho da rede na comparação com o resultado médio das escolas públicas do País. As unidades estaduais paulistas ficaram à frente da média com 497,84 ante 492,66 obtidos em média pelas unidades públicas brasileiras. Com o resultado, São Paulo aparece em 6º lugar no ranking entre Estados. 

aenem_422

O Enem é uma avaliação nacional realizada pelo INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), vinculado ao Ministério da Educação, com o objetivo de avaliar o desempenho do estudante ao fim da escolaridade básica. Podem participar do exame alunos que estão concluindo ou que já concluíram o Ensino Médio em anos anteriores.

A inscrição dos participantes é opcional. Por isso, diferente dos indicadores de sistema (como o Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo – Idesp e o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – Ideb) o resultado não mostra o desempenho da totalidade da rede.

No Ideb 2015, que teve seus resultados divulgados em setembro, a rede estadual paulista conquistou o 1º lugar em todos os ciclos de ensino. Saiba mais aqui.

Enem 2016

Os alunos que participaram do exame em 2015 podem consultar seus resultados individuais aqui.

Vale destacar que as provas do Exame Nacional do Ensino Médio em 2016 acontecem nos dias 5 e 6 de novembro. Os alunos da rede estadual paulista podem se preparar para o exame com a ajuda da tecnologia. Na Escola Virtual de Programas Educacionais do Estado de São Paulo (Evesp), os estudantes têm acesso ao Cursinho Pré-Universitário. São mais de mil questões de edições anteriores do Enem e de vestibulares como Fuvest, Unicamp e Unesp. A plataforma é gratuita e aberta 24 horas por dia a alunos e ex-alunos das escolas estaduais.